Moto Facil

Anvisa proíbe canela em pó de três produtores por presença de pelo de roedor

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu três lotes de canela em pó de diferentes produtores pela presença de fragmentos de pelo de roedor. O problema foi identificado pela Diretoria de Vigilância em Alimentos do Estado de Minas Gerais (DVA-MG), que enviou um Laudo de Análise Fiscal comprovando a presença de matérias estranhas.

A proibição envolve a fabricação, distribuição, divulgação, comercialização e o uso dos alimentos em todo o território nacional. Os produtos são: lote 3855, distribuído por Junco-Indústria e Comércio Ltda., válido até 23 de agosto de 2018; lote 01/06MP, fabricado por Arcos Comércio Importação Ltda., válido até 12 de abril deste ano; e lote 1607, fabricado por Indústria e Comércio de Temperos Sacy Ltda., válido até 1º de julho de 2018.

Por | Bahianoticias

Comentários

Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *