EUNÁPOLIS | Policiais que faziam buscas por assaltantes sofrem acidente

Um carro da Companhia de Ações Especiais da Região Cacaueira capotou nesta quarta-feira (07), no município de Eunápolis, deixando quatro policiais militares feridos. O motorista contou que transitava por uma estrada vicinal nas proximidades da fábrica da Veracel, por volta das 5h da madrugada, quando perdeu a visibilidade por conta da poeira levantada por outra viatura que seguia à frente.

Os policiais, dentre eles uma mulher, foram socorridos pelo Samu e trazidos para o Hospital Regional. Apenas um PM ficou internado, com uma lesão na face. Ele vai ser avaliado por um cirurgião buco-maxilo-facial.

As duas equipes da Cipe Cacaueira vieram de Ilhéus, no sul do estado, para dar apoio às forças policiais que buscam os assaltantes que explodiram a base da Prosegur, em Eunápolis, na madrugada de terça-feira.

Os carros usados no ataque foram encontrados abandonados, no mesmo dia, em uma área rural entre os municípios de Belmonte e Santa Cruz Cabrália.

O ASSALTO – A informação que circula nos meios policiais é que os bandidos não conseguiram levar algo mais que 100 R$ mil. A quadrilha montou uma operação de guerra, pois acreditava que a ação seria “mais rentável”. O aparato empregado foi grande. Mais de 40 homens usaram armas de grosso calibre, como metralhadoras ponto50. Eles deixaram para trás diversos explosivos, que foram neutralizados pelo esquadrão antibombas do Bope.

O vigilante Elivar Ferreira Nadier Sobrinho, 46 anos, reagiu e acabou morto pelos assaltantes. Outros cinco funcionários, que estavam na tesouraria fazendo a contabilidade do dinheiro, ficaram feridos, atingidos pelos escombros. Duas mulheres e um homem, que estão em situação mais crítica, foram transferidos para um hospital em Salvador, na noite de terça. Até o momento, nenhuma pista da quadrilha.

Fonte | radar64