Moto Facil

ITAMARAJU | Ex-secretária de saúde fala sobre sua gestão nos últimos anos

A secretária de saúde do último governo municipal, a administradora Gilma Teixeira fez um breve balanço, sintetizando a atual realidade da saúde no município, antes da entrega do cargo no último dia 31 de dezembro do exercício de 2016.

Dados e números foram apresentados demonstrando os avanços conquistados, nos período de permanência na secretaria.

“Saio da gestão de cabeça erguida e com a sensação de dever cumprido, pois assumir o papel de servidora pública deste município isso no mês julho de 2005, inicialmente no cargo de Coordenação da Central de Regulação, a convite do odontólogo Evânio Pechir (secretário de saúde da época). Estive neste cargo até julho de 2014. Mas um novo desafio estava por vir a convite do gestor Pedro da Campineira, que me confiou à secretaria de saúde desta cidade. Os percalços foram imensos nos campos da finança e gestão, porém sempre transpomos os desafios com as melhores condições, levando dignidade, transparência e seriedade a comunidade.

Encontramos um ambiente repleto de dívidas, desde a folha de pagamento, além de alugueis, fornecedores e prestadores de serviços.

Os ajustes foram difíceis, com uma realidade tomada pelo desequilíbrio de despesas, ligadas a uma receita desproporcional, desta forma fomos obrigados a montar estratégia de trabalho, contando com uma equipe de profissionais da saúde e com apoio de outras áreas de atuação, assim chegamos a um novo resultado. Agora podemos citar:

Campo da Gestão:

  • Equilibramos as despesas, obedecendo a gastos menores que a receita, possibilitando pagar as dívidas atrasadas;
  • Gastos sob rigoroso centro de custos, comparação de planilhas de despesas e receitas, para garantir o equilíbrio;
  • Reestabelecemos a confiança dos fornecedores e prestadores de serviços.
  • Priorização da folhas de pagamento, colocando salários em dia.

Campo das Atividades:

  • Foram colocados médicos e profissionais necessários em todas as unidades de saúde da família;
  • Desenvolvemos protocolos de atividades para a atenção básica norteadora do trabalho;
  • Desenvolvemos o manual da atenção básica (créditos a equipe);
  • Implantamos o programa ACS digital, onde todos os agentes comunitários de saúde utilizam um TABLET, coletando informações em tempo real, que são inseridos em bancos de dados para consultas do SUS;
  • Outra implantação necessária foi o programa Anti-tabagismo, na tentativa de evitar doenças crônicas;
  • Atribuímos maior atenção às atividades do PSE’s;
  • Garantimos melhores condições de trabalho aos agentes de endemias;
  • Fizemos aquisições importantes na Viep;
  • Também foi implantado o programa Melhor em Casa, que melhor atendeu comunidades e bairros;
  • Pudemos contar com a reforma e construções de diversas unidades, como: HMI, SAMU, CAPS, Policlínica, dentre outros;
  • Ampliação dos servidos do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO);
  • Com o apoio do Deputado Federal Paulo Magalhães, através de inúmeras emendas governistas, garantimos a aquisição de equipamentos para o Hospital municipal de Itamaraju;
  • Três unidades básicas de saúde, sendo elas no Novo prado, Centro 1 e 2 estão em obras de finalização, no bairro Marotinho em fase e execução, algumas dessas unidades iniciadas no pleito anterior.

No último dia desta gestão, nenhuma dívida foi deixada perante fornecedores ou prestadores de serviço, mas as folha de pagamento pendentes somente não tiveram seus proventos depositado em conta na sua totalidade, devido o credito ministerial inserido nas contas municipais, ocorrerem no décimo dia de cada mês subsequente. Salientamos ainda, que todas as funções e atribuições necessárias foram encaminhadas para as instituições bancárias.

O prazo máximo para o pagamento era previsto para esta terça-feira 10 de janeiro de 2017. Enviadas através de empenho da folha de dezembro.

No último dia de 2016, a contas municipais da Secretaria de Saúde somava mais de R$ 2 milhões e 600 mil reais, permitindo que os salários e gastos fossem honrados, dentre esse montante listamos 1 milhão e quinhentos mil, provenientes de emendas parlamentares.

Metade das emendas foram destinadas pelo parlamentar Paulo Magalhães [Deputado Federal], que vem contribuindo ao longo dos anos com esse município.

Ao final quero saudosamente lembrar e agradecer a cada profissional que contribuiu com a saúde deste município, que forneceu carinho dignidade ou serviço com a confiança na equipe de saúde por mim comandada. Especialmente agradecer ao povo de Itamaraju, que demonstrava diariamente o sofrimento no olhar, redobrando assim nosso compromisso e esforços. Acima de tudo quero dizer [MUITO OBRIGADA].

Coordenadores:

Claudia Ferreira, Diane Silva, Esmeralda de Araújo, Fábio Azevedo, Fabiola Moitinho, Glicia Gomes, Iana Gomes, Janaina Macedo, Juscelino Couto, Junior Souza , Jaqueline Alcantara, EmanulleRalile, MARGARETH DEOCLECIANO nossa eterna MARGÔ (in memória), Evanio Pechir, Randhe Santos, Maria Rita Nascimento, Helio Sandro dos Santos, Uarden Dantas , Jose Geraldo Vieira e Cristina Moreau .

Colaboradores, secretárias executivas e apoiadores:

Marco Aurelio Guimaraes, Heleneida Regina, Aline Itajai, Maria Isabel de Jesus e Mariana Moreau.

Por | Ascom

Comentários no Facebook