Growth Marketing

Entenda o que é o Growth Marketing

Uber, Facebook e Dropbox. Quem ouve falar nestas 3 empresas bem sucedidas pode até pensar que elas foram apenas ideias que sugiram na hora e no lugar certo, fruto do acaso e um capricho da sorte.

No entanto, quem está atento aos conceitos de Marketing sabe que de boas ideias o mundo está cheio.

Na verdade, boas ideias surgem a todo instante nas mais variadas cabeças espalhadas por aí, porém nem sempre essas cabeças sabem como colocá-las em prática e fazer com que elas tenham êxito.

Por isso, é aí que entra em cena o Growth Marketing, que traduzindo de forma literal, pode ser chamado de “Marketing de Crescimento”.

O Growth Marketing consiste em um processo que visa promover um crescimento rápido da empresa. Para isso, são procuradas oportunidades que podem propiciar esse crescimento.

Mas calma, não pense que aplicar o Growth Marketing implica em tentar de tudo, atirar para todos os lados e assim aguardar qual será o resultado. Nada disso, o Marketing de Crescimento também exige foco e planejamento.

Sendo assim é possível afirmar que o Growth Marketing permite a realização de estratégias destinada a testes e experiências, sempre com o intuito de analisar o nível de aceitação para, mais tarde, aplicá-las com mais segurança.

Tais estratégias, quando aplicadas de maneira correta e planejada, possuem a capacidade de promover um rápido crescimento para a sua empresa.

 

A aplicação do Growth Marketing

É óbvio que cada empreendimento possui as suas características e objetivos próprios, mas o Growth Marketing possui um processo de etapas que é muito semelhante com o já conhecido Funil de Vendas e pode ser utilizado em vários negócios. Confira tais etapas abaixo.

 

Aquisição

Essa fase alia práticas que possuem o objetivo inicial de atrair clientes em potencial. Você já deve ter ouvido falar neles, pois eles são os leads.

 

Ativação

Diante do lead já atento pelo que você tem a oferecer, chega a hora de realizar uma ação para trazer ele ao seu lado. Uma alternativa para isso, por exemplo, pode ser oferecer algum brinde.  

 

Retenção

Nesse estágio os seus clientes já estão interessados e prestes a adquirirem o seu produto.

 

Receita

É a fase em que os clientes já passaram da fase do interesse e então compraram o produto.

 

Indicações

É a fase final, onde todo o esforço é compensado quando você vê o seu cliente não apenas comprando o seu produto, mas também recomendando para amigos e conhecidos.

É importante destacar também que as etapas do Growth Marketing não necessitam obedecer uma linearidade. Até porque o Growth Marketing é muito mais do que um método, mas sim, uma maneira de pensar.

Pode ocorrer, por exemplo, do seu cliente apreciar o produto logo na fase da Ativação e já pular para a fase da Indicação.

 

O Growth Marketing fazendo o seu negócio crescer

Para o Growth Marketing gerar os resultados que você espera é necessário saber qual é o problema que você vai solucionar na sua empresa. Por exemplo: se o problema for a dificuldade de gerar leads, é preciso encontrar oportunidades para sanar esse aspecto.

Ciente de que o conteúdo na era da internet é um elemento importante para atrair clientes em potencial, é necessário saber como e para quem gerar esse conteúdo.

Sendo assim, algumas ações válidas para sanar esse problema podem ser:

 

Presença online

Um blog para o seu negócio é uma maneira eficiente para você disseminar conteúdo para o seu público e ainda manter uma relação interativa com ele.

Hoje em dia, saber como criar um blog é fácil, intuitivo e rápido. Existem plataformas que possibilitam essa tarefa, como, por exemplo o WordPress.

Além de um blog, a presença online também conta com ações em redes sociais como o Facebook, Youtube, Instagram e outras.

Lembre-se que atualmente os dispositivos móveis estão cada vez mais populares, o que aumenta a presença das pessoas nas redes sociais.

 

Procure por melhorias

Analise em seu blog alguns índices importantes que apontam quais postagens receberam pouco acesso. Estar a par dos motivos do baixo interesse por elas é uma maneira de encontrar o problema.

Além disso, já parou para pensar que blog ou site constantemente fora do ar pode ser também uma das razões para os baixos índices de acesso? Talvez para sanar esse problema seja bom contratar uma empresa que disponibilize uma boa hospedagem de site.

Caso você já conte com um serviço desses, será que não é hora de fazer um upgrade na sua hospedagem?

 

Faça experiências

Uma das características do Growth Marketing é a realização de testes. Por exemplo, você está estudando a hipótese de acrescentar mais perguntas em um formulário de cadastro em seu site.

Será que mais perguntas serão bem aceitas para o seu público? Essa é a hipótese a ser testada.

 

Conclusão

Paypal, LinkedIn, Hotmail e o Instagram são empresas que ao longo do tempo usaram procedimentos do Growth Marketing para encontrar soluções a determinados problemas.

Portanto, ao analisar oportunidades com os olhos do Growth Marketing o seu negócio vai estar preparado para crescer ou até mesmo se tornar um case de sucesso.

Por | Alan Medeiros

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!