Itamaraju: Cultivo do reino, produtores apostam em cultura para garantir crescimento econômico

Está se tornando cada vez mais comum passar em pequenas, médias e grandes propriedades rurais a presença de estacas perfurando o chão para que os ramos da pimenta do reino possa crescer e trazer a prosperidade financeira.

  Itamaraju - monte pescoço - pimenta - 2015.08.03 -3

Em Itamaraju essa realidade promissora formula uma economia produtiva, devido ao espaço e valorização do produto.

Sempre confiando em inovação a empresa Monte Pescoço Transporte, mais uma vez  patrocinou essa série, que fala do homem do campo e do seu cultivo. Acompanhe:

A pimenteira-do-reino (Piper nigrum L.) é uma planta trepadeira, originária da Índia, introduzida no Brasil no século XVII pelos japoneses, num formado conhecido como “Tutor morto”, utiliza um sistema feito através de uma estaca de madeira onde o pé cresce.

Itamaraju - monte pescoço - pimenta - 2015.08.03 -1

A demanda deste crescimento ainda fomenta a utilização de novas tecnologias, como o tratamento de eucalipto como estaca e até mesmo de outras culturas consorciadas com a pimenta.

De olho na prosperidade desta cultura o produtor capixaba Gerson Rossi, que tem uma pequena propriedade rural a poucos quilômetros de Itamaraju “Fazenda Laranjeira”, realizou o plantio da variedade consorciada com o café, somando aproximadamente 1.000 pés de pimenta do reino.

Em  uma de suas andanças pelo seu plantio, Gerson ainda afirmou que a cultura da pimenta do reino tem um ciclo de vida aproximada de 10 anos.

Itamaraju - monte pescoço - pimenta - 2015.08.03 -4

Novas tecnologias estão sendo pesquisadas pelas agências (Emater) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), para garantir maior produtividades e resistências a pragas.

Dados do IBGE, demonstram que em 2012 a produção brasileira de pimenta-do-reino foi de 43 mil toneladas em 19,4 mil ha, destacando-se como produtores os Estados do Pará, Espírito Santo e Bahia, responsáveis por 75%, 15% e 9% da produção nacional, respectivamente.

Itamaraju - monte pescoço - pimenta - 2015.08.03 -2

Nos estados apontados pelas pesquisa destacam-se como os maiores produtores os municípios de Igarapé-açu (PA), Tomé-açu (PA), São Mateus (ES), Jaguaré (ES), Ituberá (BA), Prado (BA) e Itamaraju (BA).

Sempre confiando no potencial desta terra e diariamente ao lado dos produtores, transportando esperança está à empresa Monte Pescoço Transporte. Que enfrenta o tempo e as dificuldades na tentativa de ajudar a escoar os mais diferentes gêneros agrícolas, produzidos com a abundância de contrastes naturais. Divididos pelas estradas e rodagens, castigadas pelo tempo.

Oferecimento | Monte Pescoço Transportes

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!