ITAMARAJU | Falta segurança, atitudes, mas sobra desrespeito com o povo

O jogo político nos últimos anos vem mutilando e matando órgãos no município de Itamaraju, onde as pessoas que mais precisam são vítimas da falta de respeito, mesmo sendo contribuintes que assumem o peso das elevadas cargas tributárias do país.

Há meses os cidadãos buscam serviços de utilidade pública emergencial e deparam com a falta de material para a realização dos trabalhos.  A exemplo dessa realidade, o local responsável em confecção da Carteira de Identidade ou RG (Registro Geral) por meses não produz uma único documento, em alguns momentos a localidade é encontrada fechada. Moradores são forçados a destinar para cidades vizinhas na tentativa de adquirir uma carteira de trabalho.

Atualmente o estado capixaba convive com dificuldades na segurança pública e podemos perceber que não estamos distantes desse mesmo colapso.

Recentemente uma decisão tomada pela delegada titular do município com o consentimento da 8ª COORPIN, demonstra a falta de respeito com a comunidade, quando registros de ocorrência somente poderão ser efetuados no período comercial (08 hs até as 17 hs), isso de segunda à sexta.

 Ai surge um questionamento, o crime tem horário para acometer o cidadão?

No estado vizinho ficou claro, que a falta dos órgãos de segurança ampliam a área de atuação do crime. Outra coisa que chama a atenção está ligada a delegada titular do município, que nos últimos anos sob sua gerência duas outras delegacias foram interditadas e fechadas. Novamente surge o questionamento “seremos a terceira?”. Pois em 2014, período onde as delegacias de Prado e Alcobaça estavam sob sua subordinação, ambas foram interditadas e presos foram transferidos para o presídio de Teixeira de Freitas, desta vez apenas a seqüência mudou.

Há pouco mais de um mês o governo destinou novos agentes para o município de Itamaraju, porém poucos avanços são notados nas atividades.

O governador do estado esteve no último final de semana no município de Alcobaça, destinando para a PM de Itamaraju equipamento para combater o crime, no entanto, nenhum representante da gestão municipal esteve presente, para ampliar os laços governistas e assim conquistar avanços para a comunidade. Porém a presença nas redes sociais nunca diminui.

Enquanto isso, a população sofre com a escuridão, onde vários assaltos, furtos foram comentados, e na delegacia nenhum registro foi efetuado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *