Itamaraju: Moradores de Nova Alegria reclamam sobre a falta de segurança

Após um lamentável e assustador episódio de violência, os moradores do distrito de Nova Alegria, interior do município de Itamaraju estiveram cobrando na manhã desta segunda-feira (27), por segurança, instalação de um posto policial e rondas para combater a violência.

Itamaraju - Capa - morador - 2013-0528

Um morador e parente de uma das vítimas fatais ocorridas na última sexta-feira (24), procurou autoridades e a imprensa local para falar sobre o número crescente de violência no distrito. Hoje o povoado possui uma população superior a 4 mil habitantes que sofre com a falta de segurança e tranquilidade.

 Segundo o Sr. Jair Santos de 52 anos, a falta de segurança é maior por não apresentar policiais na localidade, que no passado através de convênios realizados entre gestores e polícia militar diminuiu a violência, mas que foi perdida após os policiais serem retirados.

 Ainda de acordo com o morador, em nome do povoado o mesmo realizará todo o processo para que a mesma atitude seja realizada, destacando uma tentativa de furto da unidade municipal que contém um grande número de computadores, que foi arrombado e por pouco não foram levados os PC’s, causando prejuízo para o município.

Além dos moradores andarem frequentemente armados, com armas branca ou de fogo. Brigas e perturbação da paz, são corriqueiras. Com o registro de pequenos e grandes roubos que assolam os moradores.

O morador informou que foi instruído a formular ofícios, que deverão ser entregues aos legisladores, executivo e a polícia militar, para tentar solucionar e diminuir a crescente taxa de violência.

 “Se for necessário vamos reunir o distrito e trazer um ônibus e prostrar em prédios públicos em forma de manifesto”, disse o homem indignado.

Além disso, também falou sobre locais com pouca iluminação, facilitando a prática de crimes contra moradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *