ITAMARAJU | “Obstrução” impediu continuidade de sessão parlamentar

 

Nesta terça-feira (12) os vereadores do município de Itamaraju estiveram reunidos numa sessão ordinária para discutir projetos de leis e conteúdos relacionados à comunidade, tendo também em pauta o prosseguimento de uma denúncia que aportaria uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito).

No contraditório das sessões regulares uma multidão esteve presente no auditório da casa parlamentar, alguns exaltados gritavam palavras de baixo calão ou impediam o discurso até mesmo do presidente da mesa diretora.

No olhar de muitos parlamentares era possível notar o receio de permanência devido os ânimos dos manifestantes, um pequeno número de militares da 43ª CIPM esteve presente, mas o pequeno contingente militar, somado aos populares muitos exaltados. Obrigaram o presidente do parlamento local, interromper a audiência pública alegando “obstrução”.

Com encerramento muitas especulações e comentários rodearam sobre os verdadeiros motivos que impediram a continuidade da sessão ordinária. Pois o assunto a ser votado condizia diretamente com a gestão municipal colocando em risco interesses dos dois poderes.

O presidente da casa afirmou que na próxima terça-feira (19) os procedimentos de instauração da CPI estão confirmados, caso ocorra novamente à manobra de “Obstrução”, liderada por alguns parlamentares e poder executivo, será publicado um decreto para sessão extraordinária contando apenas com a presença da imprensa.

Na cidade o principal assunto político gira em torno da audiência e sobre os interesses direto na continuidade da CPI .

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!