Chame Táxi Uirislan

Polícia Civil concluiu inquérito da morte do policial militar e comprova suicídio

A Polícia Civil de Itamaraju concluiu o inquérito policial que apurava o desaparecimento do policial militar CB/PM Adailton de Brito Silva.Em Março de 2019 foi instaurado Inquérito Policial para apurar o desaparecimento de Adailton registrado na ocorrência de n° 19-00683.

Durante as investigações, familiares tomaram conhecimento de que um corpo encontrado na Praia localizada na cidade de Guarapari/ES era de Adailton. Após oitivas de familiares e de Vitória Maria Alves dos Santos, ex-companheira de Adailton, com quem tinha um filho, constatou-se que o casal havia combinado de passar uns dias na cidade de Guarapari/ES onde comemorariam o aniversário do filho.

Segundo Vitória, ficaram hospedados na casa de uma amiga na cidade de Guarapari/ES. No dia 25/02/2019 Adailton saiu em direção ao ponto de ônibus com destino à casa de uma prima residente na cidade de Vila Velha/ES, sendo que no dia 26/02/2019 retornaria sozinho para Porto Seguro/BA.

Contudo, após esse dia, ninguém mais teve contato com Adailton, sendo que apenas no dia 03/03/2019 familiares tomaram conhecimento de que o corpo encontrado em uma praia na cidade de Guarapari/ES era de Adailton. Consta no depoimento de um dos familiares que durante uma conversa Adailton teria dito que havia chegado a sofrer uma depressão em razão de problemas com a ex-mulher.

Também foi apresentada uma carta de suicídio supostamente escrita por Adailton e encontrada na mochila do filho onde ele se despedia da família.

A polícia civil solicitou exame grafotécnico ao Departamento de Polícia Técnica e o laudo pericial constatou que de fato a carta foi escrita pelo policial militar. Dessa forma, em razão do laudo pericial consistir em prova objetiva, não resta dúvidas para esta autoridade policial de que o caso em tela se trata em verdade de suicídio.

FONTE: DPC Gilvan de Meireles Prates

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!

Itamaraju Notícias
Enviar para o WhatsApp