Itamaraju: Servidor público municipal é acusado de estuprar criança de 12 anos

Um servidor público do município de Itamaraju, que ainda não teve o seu nome divulgado pela polícia está sendo acusado de abusar sexualmente de uma criança de apenas 12 anos. A mãe da vítima teria acionado a polícia momentos depois do estupro.

A denúncia contra o servidor público foi apresentada na Depol de Itamaraju por sua genitora no final da tarde desta sexta-feira (07), que em companhia de sua filha que ainda assustada relatou os abusos que teria sofrido. A criança foi encaminhada por uma Guarnição da Policia Militar para o HMI para exames mais detalhados, que serão anexados no inquérito policial. O caso foi apurado pelo Conselho Tutelar, que por sua vez realizou todos os procedimentos necessários.

Itamaraju - in - estuprol - 2013-0607

Em seu depoimento na delegacia, a criança informou a polícia que o agressor invadiu sua residência e a puxou pelos cabelos até a residência dele e praticou o estupro.

Nervosa e com receio a garota não conseguiu revelar mais detalhes dos atos, pois a sua própria mãe ao saber do caso por vizinhos que testemunharam a cena, invadiu a residência do acusado e ainda o encontrou despido, vestindo uma bermuda, após o ato. De acordo com a mãe, a ver a cena a mesma entrou em luta corporal com o agressor e foi machucada ao ser empurrada.

A genitora ainda alega que o acusado lhe pediu e ofereceu dinheiro para não levar o caso a conhecimento da polícia. Quando o pedido foi negado, o suposto agressor deixou a sua própria residência, e acabou esquecendo os seus documentos pessoais para atrás.

No momento que a polícia chegou ao local o agressor já tinha evadido. Se localizado ainda no período de flagrante o homem poderá ser autuado pelo crime de estupro. O delegado titular de Itamaraju já tomou conhecimento do caso e abrirá um inquérito policial para efetuar os procedimentos legais para expedir a prisão do agressor.

Deixe seu comentário