Moto Facil

[Mucuri] Homem é executado a tiros nos fundos de um viveiro em Itabatã

No início da tarde desta segunda-feira, 04 de janeiro, por volta das 12h40, a Polícia Militar de Itabatã foi informada de um homicídio consumado, ocorrido às margens da BR 101, em um local conhecido como Gramado Verde.

 furao0

Uma guarnição da 89ª CIPM se deslocou até um viveiro de plantas, próximo ao Posto Coopecarga, onde confirmaram o fato. Os militares isolaram a área, preservando o local e acionaram a Polícia Civil. O delegado Samuel Martins Neto e sua equipe se deslocaram até a área, onde realizaram o levantamento cadáverico.

A vítima foi identificada como sendo, Masuel Ribeiro de Jesus. Masuel é filho de “Manoel Fura Olho”, acusado de ser o mandante de um assassinato ocorrido em 2008, o qual ele teria mandado matar um casal de idosos por conta de uma dívida adquirida por Masuel. Como não teve condições de quitar o débito, o genitor mandou dar fim ao casal. O crime que teve grande repercussão na época e assustou a população de Itabatã e região, era tido como uma enorme covardia. Em abril do ano passado Manoel Fura Olho foi assassinado a tiros em sua residência, localizada na Fazenda Primavera, na BA 698 em Itabatã.

O delegado solicitou perícia e uma equipe do Departamento de Polícia Técnica se deslocou até o local onde realizou os trabalhos periciais. Segundo informações passadas à nossa equipe de reportagem, Masuel estava no local aguardando seu irmão para seguirem para Teixeira de Freitas. Ele estava em um veículo VW/Gol, de cor branca, placa policial MQO 6786, quando 03 homens em 02 motocicletas se aproximaram do viveiro e 01 dos indivíduos aguardou na BR, enquanto 02 homens armados foram até os fundos do viveiro, onde já chegaram atirando contra o Masuel.

furao1

Durante a perícia, múltiplas perfurações foram encontradas, e no local não foi possível precisar a quantidade, mas foram encontradas 13 cápsulas de pistola, que serão encaminhadas ao DPT para confirmação do calibre das armas usadas no crime. O delegado Samuel Martins Neto instaurou inquérito policial para investigar autoria e motivação do crime, e se há alguma ligação com a morte do pai da vítima.

O corpo foi removido ao IML de Teixeira de Freitas, onde será necropsiado e, após exames, liberado para velório e sepulto.

Por | Liberdadenews

Comentários

Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *