Países onde é complicado jogar poker

Em todo o mundo o poker tem crescido, graças à internet. Hoje é muito comum as pessoas jogarem poker tanto de forma amadora como de forma profissional nos diversos jogos de poker de dinheiro que acontecem 24 horas por dia, 7 dias por semana. Mas mesmo sendo largamente acessível em vários lugares do mundo, existem alguns países que proíbem a sua prática.

São vários os motivos que fazem com que jogar poker seja ilegal em um território nacional. Esses motivos apresentam diferentes causas, entre elas até mesmo religiosas. E mesmo sendo ilegal jogar poker em cassinos físicos, é ainda possível jogar poker nos cassinos onlines, pois esses seguem outras regulamentações, dessa maneira a internet se torna um lugar seguro e de qualidade para se jogar sem restrições, mas vale lembrar que a internet é controlada em alguns locais, tal como a China Continental. Abaixo listamos alguns países no qual é proibido jogar poker:                                            

  1. Arábia Saudita

Praticamente todos os países islâmicos proíbem qualquer forma de apostas devido às questões religiosas. Ao mesmo tempo, dependendo do país, as leis podem ser mais ou menos rígidas, permitindo alguma forma de liberdade para apostar.

Na Arábia Saudita é totalmente proibido jogar poker e quem o faz pode acabar preso. Isso é válido tanto para jogos físicos como jogos online. Este é considerado o país que mais restringe o poker tendo severas consequências para os seus jogadores.

  1. Japão

O Japão é um país bastante interessante, pois ao mesmo tempo que tem várias regras restrigindo o comportamento e o estilo de vida dos seus habitantes, ele também permite alguns jogos de apostos esportivas, tal como o famoso Pachinko, o qual tem até mesmo relevância cultural. Dentro do país jogar poker é totalmente ilegal se o jogo for por dinheiro, tanto fisicamente como online, mas é possível encontrar alguns japoneses famosos em todo o mundo por serem jogadores de poker e até mesmo acumularem fortunas. Naoya Kihara é um bom exemplo. Ele já ganhou mais de um milhões de dólares em prêmios em campeonatos físicos e virtuais, e atualmente mora em Tóquio. 

  1. Coréia do Norte

A Coréia do Norte não poderia faltar nesta lista, já que é um país que vive em total exclusão do que acontece no resto do mundo, mas enquanto os seus moradores não podem jogar poker nem online como físico, os turistas que por lá passam podem jogar sem restrição. Vale lembrar que qualquer turista que visita o país é sempre guiado por um guia turista do governo de forma a garantir que todas os seus passos sejam controlados.

  1. Cingapura

Este é um país com uma legislação difícil de entender, apesar do poker não ser totalmente legalizado lá, há dois grandes resorts: o Resort Sentosa e o Marina Bay Sands, no qual é possível jogar poker legalmente. Ambos resorts atraem mais de um milhão de visitantes todos os meses. Embora, os próprios habitantes do país não podem jogar livremente.

  1. Israel

Em Israel não é legal ter cassinos físicos ou site de poker com funcionamento lá. Dessa maneira, os habitantes do país precisam jogar em sites internacionais, os quais se adaptam aos seus usuários que podem optar por jogar em inglês ou em hebraico. Os jogadores de poker tanto amadores como profissionais estão em uma campanha para conseguir trazer o poker ao país, já que o esporte tem vários fãs israelenses.

Esses são alguns dos países que proíbem de alguma forma o jogo de poker. E cada um deles tem diferentes razões. As empresas de apostas esportivas tentam ao máximo criar um ambiente no qual as apostas sejam saudáveis e responsáveis, de forma que os seus usuários estejam conscientes dos riscos das apostas, e em alguns casos até mesmo os governos utilizam o dinheiro arrecadado com os impostos dessas empresas para promover outros esportes, como é o caso do Reino Unido que o investe nos atletas olímpicos.

Nos países no qual o poker é uma atividade legalizada, ele se torna uma indústria milionária proporcionando uma série de empregos como também a arrecadação de impostos. 

Os países que mais veem essas vantagens são os europeus, tal como o Reino Unido citado acima, os quais apresentam como importante parcela das suas economias o poker tanto físico como online. Entre os países europeus que mais depende do poker esta Malta, sede de grande parte das empresas de poker online, tendo uma grande porcentagem do seu PIB vindo desse segmento.

Ou seja, a legislação de cada país vai depender dos interesses econômicos, acima de outros interesses, quanto mais conservador um país  mais restritos os jogos de azar são, ao mesmo tempo, por mais liberal que um país seja, isso não significa total liberdade para jogar, tal como o Japão, mostrando que o poker é uma questão cultural e que aos poucos está ganhando cada vez mais espaço e modificando a relação das pessoas com este esporte.

 

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!