Chame Táxi Uirislan

PED – “Prefeitura estaria tentando comprar votos de sem-terra”, diz dirigente do MST

A Prefeitura Municipal de Itamaraju estaria utilizando do dinheiro público para interferir no Processo de Eleição Direta (PED) do Partido dos Trabalhadores (PT), que acontece nesse domingo (10). A acusação partiu do coordenador regional do MST, Evanildo Costa, em entrevista à rádio Extremo Sul AM, nessa quinta-feira (07). Segundo o dirigente, trabalhadores rurais sem terra têm recebido ofertas financeiras para votar na candidata Isabel Martins, que disputa a presidência do diretório municipal do partido que também está recebendo apoio de pessoas ligadas ao executivo municipal.

 eleiçaointerno

Segundo Evanildo, dos 1370 filiados do PT que estão aptos a participar da eleição desse domingo, em Itamaraju, 250 são do MST. “Os filiados do movimento estão sendo procurados por pessoas ligadas a Prefeitura, onde propostas financeiras são realizadas. Sempre buscando filiados de classes simples e humildes”, concluiu.

 

Evanildo, afirmou ainda que não permitirá a interferência do Governo Municipal neste processo democrático com métodos irresponsáveis. “Esse governo não tem compromisso com os assentamentos. Se a sede do município está abandonada, imagine o interior. Não temos estradas, não temos postos de saúde, não temos transporte escolar de qualidade. O executivo deveria utilizar os recursos públicos para resolver os problemas emblemáticos da cidade, como saúde e educação e pagar os servidores em dias, ao invés de estar utilizando esse dinheiro para tentar influenciar o resultado de uma disputa interna do nosso partido, que é um instrumento de luta dos trabalhadores”, ressaltou.

 izabel

O dirigente lembrou das inúmeras manifestações que o MST fez em Itamaraju, inclusive ocupando a Prefeitura Municipal por duas 03 vezes, em protesto contra o falta de investimentos do Município em seus assentamentos e acampamentos. Apesar de ter assinado três termos de compromisso com os Sem Terra, sendo que o último foi testemunhado pelo comando da Polícia Militar local e pelo Ministério Público, o dirigente afirma que o prefeito não cumpriu com os acordos. “Já que o prefeito não faz, nós fazemos por conta própria. Os sem terras tem carregado pedras na cabeça para cascalhar estradas, construir e reformar pontes”, completou.

 

Apoio à Dalvadísio

 dalvadisiolima(1)

Na opinião de Evanildo Costa, a eleição desse domingo terá como desfecho a vitória de Dalvadisio Lima com mais de 70% dos votos. “Além do nosso apoio, Dalvadísio conta com apoio dos vereadores Paulo Vitor e Antonio Portugal, CUT, Sindicatos e Associações e Juventude do PT. Vamos derrotar a candidata da secretária de finanças e do prefeito e fortalecer nosso partido para fazer os debates e as disputas políticas necessárias para o benefício de nossa cidade”, concluiu. 

Por | ASCOM

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!