Que tecnologia móvel seu celular usa?

No último dia 30 de dezembro de 2018 a telefonia móvel completou 28 anos de sua chegada ao Brasil.

Embora o início da operação do sistema tem sido modesto com apenas 667 dispositivos; A população de usuários multiplicou-se exponencialmente finalizando 2018 com um total de 229.210.890 sim card (chips) assinantes.
Considerando que a população brasileira projetada para 2018 foi de 208.494.800, concluímos que há mais sim cards do que brasileiros.

Esta obvia constatação justifica-se pela existência de máquinas, algumas autônomas outras não, também usuárias dos sim cards. As mais famosas são os terminais de cartões debito e/ou crédito, as quais contam em dez/18 com 19.790.147 linhas móveis, ou 8,63% do total.

Outras recentes informações da Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), divulgadas em 07/02/2019 mostram que além das quase 20 milhões de linhas móveis acima citadas, o sistema de telefonia móvel brasileiro possui um conjunto heterogêneo de usuários divididos entre 3 gerações (2G, 3G, 4G) da telefonia móvel.

Na 2G, tecnologia que fornece apenas a possibilidade de ligar e enviar os quase esquecidos SMS, a ANATEL registrou a presença de 24.850.063 assinantes, representando 10,84% do total de sim cards.

A 3G, tecnologia predominante em Itamaraju e que oferta internet a velocidades inferiores a 1 Mbps, foram registrados 54.728.630 usuários. Esse valor equivale a 23,87% do total de clientes móveis.

Já a 4G, tecnologia mais avançada implantada em 2013 no Brasil e capaz de oferecer velocidades médias de até 30 Mbps, é composta por 129.842.050 sim cards, representando 56,64% do total.

É importante ressaltar que embora as tecnologias 2G, 3G e 4G ainda sejam ofertadas, é objetivo principal das operadoras deixar de fornecer a 3G e a 2G ficando apenas a 4G, que será a plataforma de lançamento da 5G, tecnologia já em implantação nos Estados Unidos, China e países centrais europeus.

Conteúdo proposto por Dr.-Ing. Jessé Gomes

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!