InícioEditorialPolítica NacionalAlckmin pede mesa de negociação para analistas, mas Dweck ignora

Alckmin pede mesa de negociação para analistas, mas Dweck ignora

Vice-presidente e titular do Mdic encaminhou ofício em que apoia reestruturação da carreira de analistas de comércio exterior

Da esq. para dir: Geraldo Alckmin, Lula, Esther Dweck e Rui Costa durante o lançamento do plano “Nova Indústria Brasil”, em 22 de janeiro de 2024 Ricardo Stuckert/PR – 22.jan.2024

Houldine Nascimento 29.fev.2024 (quinta-feira) – 23h25

O vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, solicitou ao Ministério da Gestão e Inovação a abertura de uma mesa de negociação para analistas de comércio exterior. O pedido, no entanto, não foi atendido.

O Poder360 teve acesso a um ofício encaminhado por Alckmin em 22 de janeiro para a ministra Esther Dweck (Gestão e Inovação) em que envia a minuta de um projeto de lei para a reestruturação da carreira e a exposição de motivos, além de parecer. No documento (íntegra – PDF – 176 kB), ele também solicita que a proposta seja “objeto de diálogo” entre o MGI e os representantes da categoria durante os “trabalhos de sua mesa de negociação específica”.

Alckmin apoia a reivindicação dos analistas. “Ressalto que a proposta apresentada conta com o apoio deste Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, órgão supervisor da carreira de analista de comércio exterior […] A implementação de um programa de produtividade para os servidores da referida carreira, atrelado à distribuição de bônus de eficiência e produtividade, contribuirá ainda mais para o alcance de resultados expressivos nas políticas de comércio exterior do país, a exemplo do saldo recorde de US$ 98,8 bilhões registrado para a balança comercial em 2023″, disse no documento.

Ainda segundo o titular do Mdic, a medida “corrigirá assimetrias remuneratórias existentes entre os analistas de comércio exterior e outros grupos de servidores de perfil semelhante, já contemplados com programas de produtividade com remuneração variável ou com reestruturações específicas de carreira”.

Em 15 de fevereiro, a ACCE (Associação dos Analistas de Comércio Exterior) encaminhou um ofício em que reforça o pedido de abertura da mesa de negociação. Eis a íntegra (PDF – 109 kB) do documento.

PROJETO Estão entre os principais pontos da minuta do projeto de lei:

mudança de nomenclatura do cargo; definição das atribuições em lei; e modelo de remuneração com vencimento básico e parcela adicional variável com base na produtividade institucional do Mdic, substituindo o atual subsídio. MOBILIZAÇÃO Os analistas de comércio exterior sinalizam iniciar nos próximos dias uma “operação-padrão” –termo utilizado no meio sindical para se referir ao aumento dos procedimentos burocráticos de fiscalização. O resultado provoca atrasos e redução da eficiência dos serviços que precisam ser prestados.

A categoria avalia haver “inércia” do MGI. O Poder360 apurou que o grupo já planeja as atividades que podem entrar em “operação-padrão”.

Em carta aberta publicada na 4ª feira (28.fev), os analistas também mencionam riscos à defesa comercial. Eis a íntegra (PDF – 80 kB).

O Poder360 procurou os Ministérios da Gestão e Inovação e do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços para saber se teriam algo a dizer a respeito das reivindicações da ACCE, mas não houve resposta até a publicação desta reportagem. O espaço segue aberto para manifestação.

SOBRE OS ANALISTAS A função foi criada em 1998 com atribuições voltadas às atividades de gestão governamental relativas à formulação, implementação, controle e avaliação de políticas de comércio exterior. Há 382 profissionais ativos e a maioria (277 profissionais) está atrelada ao Mdic.

Também há analistas de comércio exterior na Casa Civil, Fazenda, Pesca, Agricultura, Gestão e Planejamento. O salário atual varia entre R$ 20.924,80 e R$ 29.832,94.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Petrobras elege novo conselho e decide sobre dividendos nesta 5ª

Governo Lula fez 8 indicações, mas deve seguir com as 6 cadeiras atuais, como...

Definição sobre multas da Lava Jato vai ao STF com falta de acordo entre governo e empreiteiras

Foto: Rosinei Coutinho/Arquivo/SCO/STF André Mendonça 25 de abril de 2024 | 06:29 O...

Carluxo e os veganos

Igo Estrela/Metrópoles 1 de 1 PF Carlos Bolsonaro ...

Reforma tributária assegura isenção para taxistas e motoristas de Uber

Profissionais poderão comprar carros com alíquota zero; a regulamentação também beneficia frutas, ovos e...

Mais para você