InícioNotíciasPolíticaCampos Neto diz ser “muito contra” criação de moeda única entre Brasil...

Campos Neto diz ser “muito contra” criação de moeda única entre Brasil e Argentina

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse nesta sexta-feira (2/6), em São Paulo, ser “muito contra” a criação de uma moeda comum entre o Brasil e a Argentina. A proposta chegou a ser defendida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos primeiros dias de seu governo.

Campos Neto, durante participação no Valor Capital’s Crypto Workshop, organizado pelo Valor Capital Group, comparou uma moeda única a uma criança. “Ela vem com o DNA do pai e da mãe. É muito difícil ser diferente deles”, afirmou. Ele acrescentou que “isso significa que, quando há uma moeda resultante de duas outras”, os juros e a inflação serão uma mistura das taxas de ambos os países.

O presidente do BC defendeu, porém, a conversibilidade de moedas, que é a capacidade de uma divisa ser aceita por outros países sem restrições. “Uma vez que tivermos mais moedas internacionais, poderemos pensar em uma completa conversibilidade”, disse, observando que está nos planos do BC fazer do real uma moeda conversível. “Mas faremos isso de forma gradual”.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Globo dá passo atrás e volta com ex-diretor após fracassos de remakes

O remake de Renascer, que está no ar na Globo, não tem tido o...

Gasolina e diesel terão valores reajustados nesta semana

O governo anunciou um aumento nos preços dos combustíveis como parte de uma estratégia...

Como Funciona uma Bomba Pneumática Plástica?

A bomba pneumática diafragma plástica são amplamente utilizadas em diversas indústrias devido à sua...

Vaccari, ex-tesoureiro do PT, volta a influir na Petrobras

Preso pela Lava Jato e solto em 2019, João Vaccari Neto está trabalhando nas...

Mais para você