InícioNotíciasPolíticaEduardo Leite alerta para mais tempestades nos próximos dias no RS

Eduardo Leite alerta para mais tempestades nos próximos dias no RS

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, chamou a atenção, nesta terça-feira (7/5), em uma rede social, para fenômenos climáticos severos previstos para o estado nesta quarta-feira (8/5) e no fim de semana. Ele também reforçou o pedido de doações por causa das baixas temperaturas que estão chegando.

“A gente pede que as pessoas possam reforçar a doação de cobertores e roupas de inverno nos nossos abrigos para as pessoas que já estão fragilizadas”, pediu o governador.

Leite acrescentou ainda que as previsões do momento para o fim de semana são de muita chuva. “É importante, desde já, alertar as pessoas que não será momento nesses principais locais atingidos de voltar para casa”, orientou.

A frente fria que tem levado instabilidade ao Rio Grande do Sul deve ser estendida. Isto é, conforme publicação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), resultado do deslocamento de um amplo sistema de baixa pressão atmosférica e da movimentação de um ciclone extratropical, que seguirá para o oceano.

A previsão meteorológica indica que, por causa da ocorrência dos dois fenômenos, as temperaturas devem ter queda acentuada em parte do estado. Pode haver também rajadas de ventos acima de 80 km/h e chuvas de 20 a 50 milímetros (mm) em algumas áreas.

Avisos Um aviso de tempestade com grau de severidade de perigo está vigente no estado até o meio dia desta quarta-feira (8/5). Os ventos poderão variar de 30 a 60 km/h, inclusive com a ocorrência de granizo. As chuvas poderão ter de 30 a 60 milímetros por hora (mm/h). O acumulado ao fim do dia poderá chegar a até 100 mm.

As regiões previstas para serem afetadas são: Sudoeste Rio-grandense, Sudeste Rio-grandense, Metropolitana de Porto Alegre, Centro Ocidental Rio-grandense, Centro Oriental Rio-grandense, Noroeste Rio-grandense, conforme o Inmet.

Os municípios vizinhos à Lagoa dos Patos, que compreende a porção mais ao sul do Rio Grande do Sul e próxima ao oceano, estão sob outro alerta do Inmet de tempestade, neste caso com severidade classificada como grande perigo.

Nestes últimos municípios poderão ocorrer chuva acumulada de até 100 mm por dia, granizo e os ventos podem alcançar 100 km/h. Fazem parte da localidade as cidades de Rio Grande e Pelotas.  A prefeitura desta última, inclusive, orientou, nesta terça-feira (7/5), moradores de 17 pontos a deixarem as casas por causa a alta das águas.

Os números atualizados ao fim da tarde desta terça são de que 95 pessoas morreram no Estado por causa das chuvas. Há também a contabilização de 372 feridos e 131 pessoas desaparecidas.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Mais para você