InícioEditorialPolítica NacionalEm homenagem a Luiz Alberto, PT Bahia reúne lideranças políticas, militância e...

Em homenagem a Luiz Alberto, PT Bahia reúne lideranças políticas, militância e movimentos sociais

Foto: Divulgação

Encontro, que contou com as presenças dos três filhos do ex-deputado Luiz Alberto – Dejanane, Vitor e Tarsi – foi um momento solene em homenagem a Luiz por todas as suas contribuições para o PT 17 de dezembro de 2023 | 15:00

A reunião ampliada Luiz Alberto do Partido dos Trabalhadores, última do ano Diretório Estadual do PT Bahia, reuniu algumas das principais lideranças do partido, como o governador Jerônimo Rodrigues e o senador Jaques Wagner, deputados, vereadores, secretários de Estado, prefeitos, membros da Executiva Estadual, a militância e movimentos sociais, na Assembleia Legislativa da Bahia, neste domingo, 17. O encontro, que contou com as presenças dos três filhos do ex-deputado Luiz Alberto – Dejanane, Vitor e Tarsi – foi um momento solene em homenagem a Luiz por todas as suas contribuições para o PT, para o movimento negro na Bahia e no Brasil e também para os movimentos sociais.

“Que a gente possa se utilizar desse momento e vermos o que é que o partido, de fato, precisa fazer as aparas e os consertos no sentido da questão racial. Acho que nos ajuda sempre esses momentos”, afirmou o governador Jerônimo Rodrigues assim que se dirigiu para a plateia lotada do auditório, sobre a homenagem ao ex-deputado. Na ocasião, o governador também falou sobre os avanços das gestões petistas de Jaques Wagner e Rui Costa, as ações do seu governo para combate à seca e da sua firmeza de que fará um governo que também promoverá grandes realizações.

Jerônimo agradeceu ainda o acolhimento constante que o partido tem dado em sua gestão e citou o diálogo constante com a legenda através da Executiva, em especial, do presidente Éden Valadares, sobre as decisões tomadas, as críticas e contribuições. “Então se eu me sinto amparado com o Conselho Político Partidário, o PT naturalmente é o carro-chefe. Então, quero aqui de público agradecer, e todas as correções que forem precisas para que o nosso governo possa fortalecer tanto os partidos aliados quanto o Partido dos Trabalhadores, eu aceitarei de muito bom grado. E fico muito contente quando nas atividades, principalmente no interior, os petistas se sentem encorajados de virem ao meu encontro se apresentarem como presidentes ou do Diretório, colocando aquela palavra que a gente precisa: ‘nós estamos aqui’,” disse Jerônimo.

Também presente na reunião, o senador Jaques Wagner destacou a importância do ex-deputado petista, a quem considerava uma referência que se pautou pela luta coletiva. “Não há melhor forma de reverenciar a trajetória de Luiz Alberto que não seja mergulhar mais ainda naquilo que foi motivo da existência dele, daquilo que era efetivamente que movia a energia desse ser humano fantástico que foi Luiz Alberto, que foi conhecido no movimento sindical, na CUT, no PT, na Câmara e em vários momentos. Uma pessoa com muita dignidade. Eu acho que isso é uma coisa fundamental, ele era uma pessoa extremamente simples, mas altiva. Não trocava a sua dignidade pela arrogância, bem a sua humildade pela subserviência”, disse.

Na reunião, o senador também falou sobre os avanços do governo Lula, parabenizou o governador Jerônimo e acrescentou que era importante o PT disputar os espaços para sair vitorioso nos pleitos de 2024 e 2026. “E isso conta desde agora com a eleição de vereadores, de prefeitos. Jerônimo vai precisar no próximo mandato de novo de uma maioria e quanto mais a gente crescer, melhor”.

Presidente do PT Bahia, Éden Valadares afirmou que nunca viu uma reunião do Diretório tão cheia quanto a de homenagem a Luiz Alberto, e sobre as eleições disse que espera que o grupo político liderado pelo governador caminhe para a unidade não só em Salvador como em outros municípios baianos. “Nós vamos ouvir o senador Jaques Wagner hoje, o ministro Rui Costa, sobretudo vamos ouvir o governador Jerônimo e demais colegas presidentes de partido. Pegar uma opinião geral de levar de volta para a Executiva Nacional do PT, estadual e municipal. Insisto: nós vamos trabalhar pela unidade. Estou torcendo muito para que seja a unidade em torno do 13, em torno do companheiro Robinson Almeida” disse o presidente.

Ao falar sobre a escolha pelo governador dos pré-candidatos que disputarão as eleições para prefeito no próximo ano, Éden afirmou que o partido já colocou sua posição. “As cartas estão na mesa, a opinião do PT está na mesa, do MDB, do PSD e demais. Agora é ter maturidade e tranquilidade de quem conduz a presidência da República e o Governo do Estado há 17 anos de achar um denominador comum nas cidades e não só na capital”, concluiu.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

STF valida uso de vestimenta religiosa em fotos oficiais

Por unanimidade, Corte estabeleceu que é constitucional o uso de acessórios de cunho religioso...

PETO recupera veículo, onde vítima chegou a ser baleado durante assalto

Nesta quarta-feira (17) de abril, militares do PETO conseguiram recuperar um veículo com restrição...

Com plenário vazio, deputados veem futebol em meio a articulação quente entre Lira e governo Lula

Foto: Levy Teles/Estadão Deputados assistem à cobrança de pênaltis entre Manchester City e...

Regulamentos sobre a nova Lei de Licitações e Contratos Administrativos

A Lei Federal nº 14.133/2021 representa um marco importante no cenário das licitações públicas...

Mais para você