InícioEditorialPolítica NacionalFluxo de passageiros para o exterior cresce 20,8% em março

Fluxo de passageiros para o exterior cresce 20,8% em março

Cerca de 2 milhões de viajantes foram para fora do país no 3º mês de 2024, ante 1,6 milhão no mesmo período do ano anterior

Na imagem, saguão do Aeroporto Internacional de Brasília José Cruz/Agência Brasil – 19.dez.2022

PODER360 28.abr.2024 (domingo) – 8h42

O número de passageiros transportados para o exterior cresceu pelo 24º mês consecutivo. De acordo com dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), em março deste ano, foram transportados quase 2 milhões de viajantes nesse segmento, aumento de 20,8% na comparação com o mesmo período de 2023, quando 1,6 milhão de pessoas voaram em destinos internacionais. No 1º trimestre de 2024, o crescimento foi ainda maior, de 23,5%.

A quantidade de voos de e para o exterior também aumentou. No 3º mês deste ano, houve um incremento de quase 2.000 voos em relação a março de 2023. Saltou de 9.863 operações aéreas para 11.531, ou seja, crescimento de 16,9%. No trimestre, a alta foi de 18,75%.

Para o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, os números refletem o crescimento da economia brasileira frente aos outros mercados mundiais. “Com o presidente Lula, o Brasil voltou a figurar entre as maiores economias do mundo e isso tem reflexo direto na nossa aviação, com o interesse de companhias estrangeiras retornarem as operações aéreas no nosso país”, disse.

Para expandir os voos para o exterior, no último mês, os ministérios de Portos e Aeroportos e do Turismo e a Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo) lançaram o Programa de Aceleração do Turismo Internacional. Executado com recursos do Fnac (Fundo Nacional de Aviação Civil), o programa convida as companhias aéreas e os aeroportos a apresentarem propostas de investimento para a realização de novos voos. Costa Filho afirma que programas como esse devem aumentar o número de visitantes estrangeiros, criando emprego e renda para a população.

Mercado sul-americano De acordo com os dados do setor aéreo, o movimento cresceu nas viagens para a América do Sul, o que justifica as novas rotas anunciadas nos últimos dias pelas companhias aéreas para atender à demanda crescente.

O número de passageiros saindo para países do continente cresceu 36% no 1º trimestre em relação ao mesmo período de 2023. Foram 1,2 milhão de pessoas. A Argentina lidera o ranking, com 541 mil passageiros embarcados. Mas os destinos que mais cresceram, em relação ao ano passado, foram Peru (90%), Uruguai (58%) e Chile (57%).

Agenda internacional Pensando em ampliar e integrar a conectividade brasileira com o exterior, na última semana, durante viagem com a comitiva do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para a Colômbia, Costa Filho, anunciou novos voos entre os 2 países. Uma das operações ligará Brasília a Bogotá, na Colômbia. Haverá também a ampliação dos voos entre a capital colombiana e Guarulhos. O movimento entre os 2 países (Brasil-Colômbia) saindo do Brasil cresceu 10% no 1º trimestre de 2024 em relação ao mesmo período do ano anterior.

“Estamos trabalhando diariamente para ampliar nossa malha aérea internacional e fortalecer a nossa aviação. Queremos fomentar não apenas o turismo de lazer, mas também o de negócios”, explicou o ministro.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Mais para você