InícioEditorialPolítica NacionalGlenn Greenwald diz que Brasil passa por ‘regime de censura’ e Elon...

Glenn Greenwald diz que Brasil passa por ‘regime de censura’ e Elon Musk responde: ‘Extremamwente preocupante’

Jornalista americano radicado no Brasil defendeu e entrevistou Monark, uma das personalidades que tiveram suas contas retidas em redes sociais

Reprodução/Rumble/Glenn Greenwald

O jornalista Glenn Greenwald entrevistou Monark após influenciador ter conta retida nas redes sociais

O jornalista americano radicado no Brasil Glenn Greenwald reagiu com ênfase às últimas sanações nas redes sociais realizadas por determinação de Alexandre de Moraes, ministro do STF. Poucas horas após a decisão de Moraes, Greenwald entrevistou em seu canal na plataforma Rumble o podcaster Monark, uma das personalidades que tiveram perfis retidos na internet — o deputado federal Nikolas Ferreira e a influenciadora digital Bárbara Destefani, do canal Te Atualizei, também foram punidos. O jornalista também usou outra plataforma na internet, o Twitter, para dar sua opinião sobre o sistema judicial brasileiro: “O regime de censura no Brasil está crescendo rapidamente, praticamente diariamente agora. Acabamos de obter uma ordem de censura que é genuinamente chocante, instruindo várias plataformas de mídia social a remover imediatamente vários políticos e comentaristas proeminentes”, disse Glenn. O bilionário sul-africano Elon Musk, que comprou recentemente o Twitter, interagiu com o comunicador: “Isso é extremamente preocupante”.

Tanto Glenn Greenwald quanto Musk defendem que a liberdade de expressão deve ser irrestrita. Identificado com a esquerda no Brasil e casado com um político do PDT (o ex-deputado federal David Miranda), o jornalista esteve no centro das atenções quando liderou o Intercept durante a série de reportagens que ficou conhecida como Vaza Jato. Greenwald e sua equipe tiveram acessos a conversas do Telegram entre o ex-juiz Sergio Moro e os procuradores da Operação Lava Jato. O STF decidiu que Moro agiu com parcialidade nas ações contra Luiz Inácio Lula da Silva (PT), um episódio fundamental na trajetória do petista rumo ao seu terceiro mandato presidencial. Por outro lado, Greenwald já declarou que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) sofre censura nas redes sociais e hoje é um dos mais notórios críticos de Alexandre de Moraes.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Damares quer youtuber petista no inquérito de milícias digitais

Senadora envia pedido para Moraes com base em reportagem que afirma que Thiago dos...

Prefeitura convida cidadãos para inauguração de chafariz no Kaikan Sul nesta quinta (13)

A Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas convida os cidadãos para a inauguração de...

Jean Wyllys diz que Grazi Massafera só existe porque ele estava no BBB

Jean Wyllys foi o campeão do BBB 5, ao desbancar Grazi Massafera na final...

Aluguel de loja e buraco na parede: como bando furtou 100 armas no DF

As investigações da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) revelaram que os criminosos responsáveis...

Mais para você