InícioEditorialNamorado matou médica e queria fugir com corpo em mala, afirma polícia

Namorado matou médica e queria fugir com corpo em mala, afirma polícia

Um homem de 26 anos identificado como Davi Izaque Martins Silva confessou ter matado a namorada e colocado o corpo dela em uma mala. Segundo a Polícia Civil, além de ter confessado o crime, Silva afirmou que pretendia levar o corpo de Thalita da Cruz Fernandes embora, mas que, como a mala estava rasgada, desistiu do plano. De acordo com o delegado Alceu Lima de Oliveira Junior, titular da Delegacia de Homicídios da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de São José do Rio Preto, Davi confessou ter consumido cocaína, ecstasy e álcool antes de começar a discutir com a namorada por ciúmes. O crime aconteceu na cidade de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, na noite de quinta-feira, 17. O corpo da médica foi encontrado nu dentro de uma mala com várias perfurações na sexta-feira, 18. A polícia prendeu o namorado no dia seguinte, enquanto ele se escondia na casa de sua mãe. A polícia foi acionada por uma amiga após a família da vítima notar o desaparecimento. O namoro entre os dois começou há três anos. Segundo o delegado, embora o crime pareça ser passional, ele é patrimonial, uma vez que o homem dependia financeiramente da namorada e tinha receio de que ela terminasse o relacionamento.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Ex-assessor de Bolsonaro diz à PF que não saiu do Brasil

Filipe Martins depôs nesta 5ª (22.fev); é acusado de integrar núcleo jurídico de grupo...

Ex de Nicole Bahls é preso em flagrante durante busca e apreensão

Na última quarta-feira (21/2), o ex-marido da ex-BBB Roberta Brasil e ex-noivo de Nicole...

Seu cheiro pode dar pistas do quão saudável você está

Centenas de compostos químicos saem de nossos corpos para o ar a cada segundo....

Mais para você