ITAMARAJU | Maus-tratos contra animal solto na BA-489 gera indignação

Todos os dias infelizmente são publicados nas redes sociais e portais de notícias inúmeros casos de maus-tratos contra animais, provando que a violência empregada contra a vida tem aumentado na mesma proporção que a crueldade em alguns seres humanos.

Um caso que chegou a redação do site Itamaraju Notícias que não quer dizer que tenha sido o último caso de maldade cometida contra um animal em Itamaraju foi de um cavalo branco que se encontra abandonado às margens da BA-489, nas imediações do Bairro Liberdade e Italage com uma das patas quebradas.

Um cidadão identificado por Hélio Sandro Ridossan usou da sua rede social para mostrar a indignação por ver que há dias o animal vive perambulando pela localidade, mancando e sofrendo com dores. Ele publicou algumas imagens, vídeos e escreveu uma carta aberta com o objetivo de despertar a população para ter consciência da problemática. Em algumas palavras Hélio enfatiza que os órgãos públicos do município devem tomar as medidas cabíveis.

“Temo que o pior aconteça, além do sofrimento causado ao animal, ele pode se dirigir até a rodovia e causar um acidente. As autoridades e a sociedade não podem fechar os olhos para este problema público. Minha opinião é que: 1º devemos tentar localizar o “dono” do animal e verificar se ele tem condições de custear o tratamento e ou sacrifício do pobre animal. Quem pode fazer isso? As policias (civil e ou militar), bombeiros, vigilância sanitária, secretaria de meio ambiente e ou a sociedade civil organizada.

2º Um profissional veterinário poderia analisar o caso e examinar o pobre animal e diagnosticar se ele tem chances de cura e ou de sobrevir feliz com tratamento em um abrigo ou outro local apropriado.

3º Não havendo chances de cura e o destino do pobre animal for viver condenado ao sofrimento porque não sacrificá-lo de forma indolor?

Se você conhece alguém que pode ajudar, por favor, em nome e pelo amor de Jesus Cristo faça alguma coisa URGENTE, não deixe o amor esfriar em seu coração, empresários, políticos, veterinários, policiais, bombeiros, sociedade itamarajuense vamos fazer alguma coisa? Tudo que estiver no seu alcance em fazer faça sem demora e receberá o seu galardão”.

Hélio Sandro Ridossan

O caso foi bastante comentado nas redes sociais e tristemente até a publicação desse conteúdo as informações são o que o animal ainda se encontra na localidade passando por sofrimento. A esperança é que alguém se sensibilize e ajude a resolver o caso. 

Deixe seu comentário