Itamaraju: Sem pauta do dia, vereadores promovem discussões sobre obras

Mesmo sem pauta do dia, os vereadores do município tiveram muito o que falar, durante a sessão desta terça-feira (02), em Itamaraju. Por horas os vereadores discutiram sobre obras e recursos do governo do estado, federal e municipal.

 vereadorleolopes

A palavra foi franqueada aos vereadores pelo presidente da casa Rubens do Hospital que fez um pedido de providência, requerendo do gestor municipal a reforma do mercado municipal do centro da cidade baixa. Além de solicitar da comissão dos direitos humanos da casa, uma iniciativa de realizar um pedido ao executivo de uma nova área para a construção de um novo cemitério local.

itamaraju - in - poit - 2014-08-02-1

Em discurso o vereador Paulo Vitor defendeu a importância de esclarecer para a população sobre a origem dos recursos das obras do município. Esse ponto de vista também foi defendido pelos vereadores Leo Lopes e Portugal.

As discussões foram motivadas após ser anunciada a obra de pavimentação da ladeira do Bairro Bela vista em um momento político.

“Não podemos deixar que nesse momento eleitoral as pessoas sejam enganadas por obras anunciadas próximos as eleições e feitas com  recursos do governo federal e não com recursos próprios”, explica Paulo Vitor.

Já os vereadores Keu e Luiz Pitta defenderam o posicionamento da gestão municipal, ao anunciar a obra que começa na próxima semana, pois os moradores já cogitavam uma manifestação e até fechamento da ladeira em forma de protesto.

Durante a sessão o vereador Leo Lopes ainda fez um pedido de providência verbal, solicitando do executivo um posicionamento referente ao lixo comunitário do distrito de São João da Prata.

itamaraju - in - poit - 2014-08-02-2

O vereador Jânio parabenizou o desempenho da seleção de futebol do município no campeonato intermunicipal 2014 e da participação da nova torcida organizada “Toma”.  Além de apontar a preocupação da comunidade do Cristo Redentor sobre a construção da quadra poliesportiva e da creche na área que é o campo de várzea da comunidade. Os moradores temem a não construção de um outro campo de várzea.

Outros vereadores ainda pontuaram as discussões como desnecessárias, alegando que o importante é beneficiar a população. Logo após o momento de oração a sessão foi encerrada.

Deixe seu comentário