InícioEditorialOperação contra crimes eleitorais leva à prisão 34 pessoas

Operação contra crimes eleitorais leva à prisão 34 pessoas

Mais de três milhões de reais, em dinheiro vivo, já foram apreendidos pelas forças policiais, em todo o Brasil, por crimes eleitorais. Os dados são do Ministério da Justiça, que coordena, pela primeira vez, a Operação Eleições, a partir do Centro Integrado de Comando e Controle Nacional, em Brasília.

Durante o primeiro balanço da Operação, neste sábado, o Ministro da Justiça, Anderson Torres informou que 34 pessoas foram já presas por crimes como boca de urna, compra de votos e transporte irregular de eleitores, desde a última segunda-feira, quando começou a operação.

Para este domingo de votação, o ministro da justiça garantiu que, apesar dessas ocorrências, comuns para o período, o Brasil vai ter eleições seguras, porque o planejamento prevê qualquer tipo de situação.

Diante da nova proibição de porte de armas próximo às zonas eleitorais, o ministro Anderson Torres disse que ainda não há ocorrências do tipo. No entanto, destacou que as forças policiais estarão de olho.

Neste domingo, cerca de 500 mil agentes de segurança pública estarão mobilizados. Serão utilizadas 70 mil viaturas, três aeronaves e nove embarcações em todo o país.

Fazem parte da Operação Eleições 2022 representantes do Tribunal Superior Eleitoral, Policias Civis e Militares de todo o país, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Ministério da Defesa, Secretarias estaduais de Segurança Pública e da Agência Brasileira de Inteligência.

 

Segurança Rio de Janeiro 01/10/2022 – 16:09 Nadia Faggiani – Marizete Cardoso Solimar Luz – Repórter da Rádio Nacional crimes eleitorais sábado, 1 Outubro, 2022 – 16:09 2:14

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Campos Neto diz que mudança na meta afeta política monetária

“Quando tem problemas de credibilidade em algum dos lados, afeta o outro”, afirma em...

Militantes do MST invadem a sede do Incra em Mato Grosso do Sul e pressionam governo

Foto: Divulgação/MST Invasão do MST a prédio do Incra, em Campo Grande, capital...

Deniziane se manifesta após encontro com Matteus e Isabelle

Deniziane quebrou o silêncio e decidiu se manifestar sobre a relação de Matteus...

Deputada federal denuncia câmeras escondidas em ap alugado em Brasília

A deputada federal Dayany Bittencourt (União Brasil-CE) identificou câmeras de segurança escondidas no apartamento...

Mais para você