InícioPORTO SEGURO | Armadilhas fotográficas são instaladas em duas reservas ambientais

PORTO SEGURO | Armadilhas fotográficas são instaladas em duas reservas ambientais

Com o objetivo de realizar um amplo levantamento das espécies de animais silvestres existentes em duas áreas de reserva de Mata Atlântica da região de Porto seguro, foram instaladas, no mês de outubro, 56 armadilhas fotográficas.

As câmeras são do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação dos Mamíferos Carnívoros (CENAP), que pertence ao ICMBio.

“Técnicos do Centro estiveram na região para fazer uma análise das áreas e para definir onde seriam instaladas as armadilhas, seguindo a protocolos de pesquisa científica mundialmente reconhecidos”, disse o chefe do Parque Nacional do Pau-Brasil, Fábio Faraco.
Segundo Fábio, as armadilhas foram instaladas no parque, que possui uma área de 19.024 ha e na Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN), Estação Veracel, que tem 6.069 ha.

“Nas duas reservas já foram avistadas tanto a onça pintada quanto a onça parda. E nosso objetivo é justamente ter uma comprovação da presença dessas e de outras espécies, como o cateto, queixada, antas, pássaros terrestres, tamanduá-mirim, veados, raposa do mato, quatis na região”, salientou o chefe do parque.

Câmeras são programadas pra acionar quando algum animal cruza na frente delas
PRESERVAÇÃO DAS ÁREAS – Fábio explica que além de auxiliar na identificação da fauna residente, as armadilhas fotográficas serão uma importante estratégia para coibição do furto de madeira e caça, ajudando na preservação da fauna e da flora existentes nas reservas. “Nos possibilitará também ter mais conhecimento acerca da Mata Atlântica, este precioso patrimônio que, importante ressaltar, é de todos nós”, ressaltou Fábio.

Ele esclareceu que as câmeras das armadilhas fotográficas são automáticas e possuem baterias de longa duração, sendo programadas para acionar quando algum animal cruza na frente delas.

Os equipamentos funcionam noite e dia e possuem sensores de monitoramento e alertas para tentativas de danos e furtos. “É bom lembrarmos que são equipamento de um órgão federal e, caso sejam roubadas, a pessoa que for encontrada em posse delas está sujeita a multas por dano ao patrimônio público e a prisão”, enfatizou o chefe do parque.

O apoio da comunidade local é também é importante para a preservação das áreas de Mata Atlântica existentes na região. “Quem souber de qualquer tipo de ameaça à fauna ou sobre furto dos equipamentos pode enviar informações por meio do e-mail [email protected]. Não é necessária identificação”, concluiu ele.

Fonte | radar64

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Reformulação no TSE pode impactar julgamentos de peso

O fim do mandato do ministro Alexandre de Moraes no Tribunal Superior Eleitoral (TSE),...

O que a Bicicleta Ergométrica Trabalha no Corpo: Saiba Mais!

Descubra como a bicicleta ergométrica trabalha músculos do seu corpo, promove saúde e bem-estar...

Lula diz querer um “telefone para reclamarem do governo”

Presidente afirmou que a população não tem para quem se queixar de problemas da...

Governo petista no Ceará omite informações sobre ação de Abin de Bolsonaro contra Camilo

Foto: Luiz Fortes/Arquivo/MEC O ministro Camilo Santana 22 de abril de 2024 | 12:17 ...

Mais para você