InícioEditorialPolítica NacionalPrates indica cinco nomes para compor diretoria da Petrobras; veja os nomes

Prates indica cinco nomes para compor diretoria da Petrobras; veja os nomes

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prattes, realizou na noite nesta quinta-feira, 2, suas cinco primeiras indicações para compor a diretoria executiva da estatal. No entanto, os nomes ainda deverão passar pela análise de conformidade da empresa estatal. Ainda faltam três diretorias e uma nova pasta de Transição Energética para serem escolhidos. Segundo o documento obtido pela equipe de reportagem da Jovem Pan, Claudio Schlosser deverá gerir a área de Comercialização e Logística; Carlos Travassos, no Desenvolvimento da Produção; Joelson Falcão, na Exploração e Produção; William França, no Refino e Gás Natural; e Carlos Augusto Barreto, na Transformação Digital e Inovação. Ainda restam três indicações para cargos de diretores da Petrobras: Relacionamento Institucional e Sustentabilidade, Financeira e de Relacionamento com Investidores e Governança e Conformidade. Uma pasta ainda deverá ser criada pela nova gestão que comanda a estatal brasileira, voltada à transição energética. Um dos cotados para o cargo é o professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro – e também ex-presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Ao vivo: Câmara debate acusações de suposta censura do Judiciário ao X

Comissão de Relações Exteriores ouve Michael Shellenberger e Glenn Greenwald; assista, ao vivo, no...

Humanização da saúde: paciente relata atendimento no Hospital Municipal

“Passei pela UPA e fiquei internado aqui no hospital. Assim que a gente entra...

Após “ignorar” Davi no BBB, Paulo Ricardo tem show cancelado. Entenda

O cantor Paulo Ricardo teria tido um show em Fortaleza, no Ceará, cancelado por...

Moro: envolvimento em desvio de dinheiro da Lava Jato é “mera ficção”

Apesar de ainda não ter sido julgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) por...

Mais para você