InícioEditorialPolítica NacionalPressionada pelo próprio partido, Daniela Carneiro condena ‘achismos’ e diz que ‘segue...

Pressionada pelo próprio partido, Daniela Carneiro condena ‘achismos’ e diz que ‘segue firme’ no Turismo

A ministra Daniela Carneiro (União Brasil-RJ) evitou falar sobre a sua continuidade no Ministério do Turismo e condenou o que chamou de “achismos”. Em convesa com jornalistas na chegada ao Senado Federal, onde participa de audiência na Comissão do Turismo, Carneiro disse que “segue firme”, apesar das pressões sofridas por aliados de seu partido, que pedem a substituição imediata da ministra pelo deputado federal Celso Sabino (União Brasil-PA).”Essa questão de achismo é algo complicado, mas eu estou aqui firme. Eu estou como ministra, atuando para a gente fortalecer o turismo no Brasil”, disse. Ela afirmou ainda que, mesmo se sair do ministério, continuará apoiando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). “Tudo sob controle. Eu estou aqui de cabeça erguida”, completou.  Como mostrou o site da Jovem Pan, membros do União pressionam o chefe do Executivo pela retirada de Daniela do cargo e ameaçam fazer oposição ao governo Lula, caso a troca não se concretize. Lula se reuniu com Daniela na manhã da terça-feira, 13, e Planalto chegou a confirmar que a ministra segue no cargo. Entretanto, entre lideranças e aliados do petista, o entendimento é que a sobrevida é o caminho para uma “saída honrosa” da ministra.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Fazer refeições mais cedo reduz risco de problemas cardiovasculares

Estudo mostra que quem come depois das 21h tem probabilidade 28% maior de desenvolver...

A avaliação do time de Lewandowski sobre o projeto que limita delações

Integrantes da cúpula do Ministério da Justiça veem com cautela o projeto de lei...

Após seca histórica, indústria do AM acende alerta para clima em 2024

Meses após a seca histórica no Rio Negro, em Manaus, capital do Amazonas, a...

Governador liga para Lewandowski após ataques com mortes no Ceará

Elmano de Freitas (PT) diz não descartar pedir apoio do governo Lula para reforçar...

Mais para você