InícioEditorialPolítica NacionalRelator vê ‘votação apertada’, mas diz acreditar em aprovação da PEC do...

Relator vê ‘votação apertada’, mas diz acreditar em aprovação da PEC do STF

Ao site da Jovem Pan, senador Oriovisto Guimarães admite resistência e afirma que texto não passará ‘facilmente’; proposta precisa de no mínimo 49 votos favoráveis

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.

Waldemir Barreto/Agência Senado

Senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR)

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os poderes do Supremo Tribunal Federal (STF) teve sua votação adiada para esta quarta-feira, 22, também por receio de derrota. A PEC precisaria de ao menos 49 votos favoráveis, mas, no momento em que o Senado aprovou um calendário especial para a tramitação da proposta, havia apenas 70 senadores. Mais do que isso, o rito especial recebeu o voto de 48 membros da Casa. Se os parlamentares estivesse analisando o mérito da emenda constitucional, portanto, teria faltado um voto. Ao site da Jovem Pan, o relator da proposta, senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR), admitiu a resistência ao texto e falou em “votação apertada”. “Acredito que será aprovada, porém não facilmente. Votação apertada”, disse em mensagem enviada à reportagem.

A PEC que limita decisões monocráticas e pedido de vista por parte dos ministros do STF, com exceção de decisões em caráter de grave urgência ou risco de dano irreparável durante o recesso do Judiciário, tem o apoio da oposição. Na votação do calendário especial, o senador Fabiano Contarato (PT-ES), líder do PT no Senado, orientou o voto contrário à proposta. Ex-líder da bancada do PT da Casa, o senador Humberto Costa (PT) afirmou ao site da Jovem Pan que a discussão sobre limitar os poderes do STF “está fora do tempo”. “Esses temas do pedido de vista e das decisões monocráticas, eu acho que já houve por parte do Supremo a correção dessas questões”, disse. O Planalto, contudo, tem mantido distância estratégica da proposta, porque sabe que caso ela seja aprovada no plenário seria como um carimbo de derrota.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Governo trava taxação de importações de até US$ 50 e adia discussão

Relator tenta acordo para aprovar o fim da isenção, mas governistas estão resolutos; votação...

Quaest: 42% dos deputados avaliam Lula negativamente; 32% aprovam

Rafaela Felicciano/Metrópoles 1 de 1 imagem colorida Lula subindo rampa do planalto - metrópoles...

Mais para você