InícioEditorialPolítica NacionalSenado aprova, por 61 votos a 0, PL que suspende pagamento da...

Senado aprova, por 61 votos a 0, PL que suspende pagamento da dívida do RS por três anos

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (15), por 61 votos a zero, o projeto de lei complementar que suspende o pagamento da dívida do Rio Grande do Sul por três anos. Os senadores analisam, ainda, um destaque que pretende anistiar a dívida por 36 anos. A suspensão da dívida do RS dura 36 meses e permite a aplicação de R$ 11 bilhões em um fundo para o Estado se reconstruir depois da devastação causada pelas enchentes. A proposta também prevê perdão de R$ 12 bilhões em juros sobre todo o estoque da dívida gaúcha durante o período de suspensão do pagamento.

O projeto de lei complementar de ajuda ao RS foi aprovado na Câmara dos Deputados na noite de terça-feira (14) por 404 votos a dois. A proposta foi enviada pelo governo para aliviar a situação financeira do Estado, que vive situação de calamidade pública devido às enchentes causadas nas últimas semanas por fortes chuvas.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

A dívida do Rio Grande do Sul é estimada em R$ 98 bilhões. Durante os próximos três anos, os juros que incidem sobre o estoque da dívida serão reduzidos a 0%. Apesar de ser voltada ao RS, a proposta permite que esse regime seja aplicado a qualquer Estado que esteja em calamidade pública reconhecida pelo Congresso após pedido do Poder Executivo.

A proposta estabelece que o governo do Rio Grande do Sul apresente, em até 60 dias a partir da sanção da lei, um plano de investimentos para enfrentar a situação de calamidade que o Estado vive, envolvendo operações de crédito, valores de serviços e contratos previstos para o socorro.

*Com informações do Estadão Conteúdo

 

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Antes de nascer, filho de Viih Tube bate 100 mil seguidores nas redes

Viih Tube e Eliezer revelaram, neste sábado (25/5), que a filha Lua ganhará um...

Homem agredido por morador de rua no Sudoeste é agente da PF

O homem que foi agredido por um jovem em situação de rua, na tarde...

Delegado da Polícia Civil é baleado por PM de folga durante discussão na zona leste de São Paulo

Um delegado da Polícia Civil de São Paulo foi baleado por um PM durante...

Zanin pede mais tempo para analisar legalidade de revistas íntimas em presídios

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Cristiano Zanin solicitou mais tempo para analisar...

Mais para você