InícioEditorialPolítica NacionalSenado identifica 23 novos suspeitos envolvidos na invasão ao Congresso em 8...

Senado identifica 23 novos suspeitos envolvidos na invasão ao Congresso em 8 de janeiro

O Senado Federal conseguiu identificar mais 23 pessoas que participaram da invasão e depredação do Congresso Nacional no dia 8 de janeiro. Em um trabalho realizado pela Secretaria de Polícia do Senado, através da presença das câmeras de segurança, os agentes identificaram que estes vândalos ainda não foram denunciados ou presos pelos atos de violência realizados contra o patrimônio público. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados pelo Legislativo. Agora, a expectativa é de que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), apresenta uma denúncia à Procuradoria-Geral da República (PGR) – na figura de Augusto Aras – a fim de que estes suspeitos sejam identificados. As 23 pessoas localizadas ainda não foram indiciadas já que não estão envolvidas, até o momento, na acusação de possíveis crimes. Após a apresentação do documento, é esperado que a PGR apresente uma denúncia contra os acusados. No dia 13 de janeiro, Pacheco apresentou um primeiro pedido com informações de outros possíveis 39 envolvidos identificados que depredaram o Congresso Nacional. Com a apresentação do pedido, a PGR denunciou os acusados e é possível que a ação se repita com os novos 23 identificados pela polícia legislativa.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Lula diz que lançará consignado para todos os trabalhadores

Em entrevista à “RedeTV!”, o presidente afirmou que mais de 40 milhões de pessoas...

Distrito Federal ultrapassa 100 mil casos de dengue em 2024

O Distrito Federal atingiu a marca de mais de 100 mil casos de dengue...

PEC que amplia isenção tributária para templos religiosos avança em comissão da Câmara

A comissão especial da Câmara dos Deputados encarregada de avaliar a Proposta de Emenda...

8 de Janeiro me preocupa mais que golpe militar de 1964, diz Lula

A 1 mês dos 60 anos da tomada de poder pelos militares, presidente declarou...

Mais para você