InícioNotíciasPolíticaSTJ decide se famílias de Marielle e Anderson podem acessar investigação

STJ decide se famílias de Marielle e Anderson podem acessar investigação

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decide na próxima terça-feira (18/4) se as famílias da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes, poderão ter acesso aos autos da investigação sobre o mandante do crime.

Os familiares de Marielle e Anderson entraram com um pedido no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, em 2022, pedindo acesso aos autos do inquérito, mas o pedido foi negado. As famílias, então, tentam reverter a decisão no STJ.

A defesa dos familiares alega que as trocas frequentes no comando da Polícia Civil e na Força Tarefa do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio de Janeiro podem ter impactado o caso.

Os advogados das famílias alegam também que o acesso da família aos autos é uma forma de o crime não continuar impune.

Marielle Franco e Anderson Gomes foram assassinados no dia 14 de março de 2018 e, até hoje, as investigações não apontaram o mandante do crime. A família crê que saída de Jair Bolsonaro e a chegada de Lula, cujo governo se comprometeu com a solução do caso, acelere as investigações.

Foram presos até hoje apenas dois ex-policiais, Ronnie Lessa e Élcio de Queiroz, em 2019, acusados de serem os executores da vereadora e de seu motorista.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Carlinhos ‘Mendigo’ é enviado para centro de detenção em Guarulhos

Carlos Alberto da Silva, o ‘Carlinhos Mendigo‘ do humorístico Pânico, foi enviado para o Centro de Detenção Provisória de Guarulhos na tarde desta quinta...

TSE autoriza partidos a usar fundo partidário para comprar imóveis em leilões

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta-feira (20), por unanimidade, que as legendas...

Mais para você