InícioEditorialTransalvador inicia fase de testes dos controles de acesso aos portais do...

Transalvador inicia fase de testes dos controles de acesso aos portais do Carnaval

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) inicia nesta sexta-feira (3) os testes com a tecnologia que fará o controle eletrônico de acesso aos portais do carnaval. A testagem será feita no pórtico instalado na Avenida Centenário, na via principal, na altura da Farmácia Drogasil, no sentido orla. Neste período de avaliação nenhum condutor será notificado por passar pelo local sem a devida credencial. 

Letreiros serão posicionados nos portais de acesso às zonas de restrição de circulação. Eles vão gerar informações visuais para cada um dos motoristas que utilizarem aquela rua indicando se eles têm ou não permissão para transitar. Concomitantemente, os instrumentos transmitirão informações sobre a circulação dos veículos e as enviam em tempo real para uma plataforma de dados. Quando um veículo credenciado passar pelo pórtico uma luz verde será acionada ao lado da palavra “ok”. Caso não esteja credenciado, acenderá uma luz vermelha com o letreiro mostrando “não ok” ao lado. 

“Mesmo vendo a luz vermelha acesa, os condutores não serão notificados neste período de testes. Mas, o morador da zona de restrição que ainda não fez o cadastro do veículo deve entender esse sinal luminoso como um alerta e um apelo para ir até um dos nossos postos de atendimento pegar a credencial. Esse é um procedimento rápido, fácil e gratuito”, explica o superintendente de Trânsito de Salvador, Decio Martins. 

A partir do dia 16 de fevereiro, data que marca o início oficial da folia momesca na capital, até a Quarta-feira de Cinzas (22) o controle de acesso pelos portais passa a ser efetivo. Ou seja, quem não possuir o adesivo ou tentar entrar numa zona diferente da sua ou ainda se estiver utilizando a credencial num veículo com placa diferente da cadastrada será autuado pela fiscalização eletrônica. 

Para o carnaval deste ano serão instalados 15 portais para acesso veicular dos moradores das zonas de restrição de circulação. Serão cinco zonas, divididas em 12 regiões distintas. As credenciais serão numeradas de acordo com as subzonas. O cidadão terá acesso livre ao portal específico da sua subárea.  

Credenciamento

Dos cerca de 33 mil imóveis aptos a receberem a credencial, moradores de apenas 42% já cadastraram os veículos. Os cerca de 12 mil moradores que fizeram o cadastramento pela internet já começaram a receber nas residências as credenciais. Quem não fez on-line, pode pegá-las nos postos de atendimento montados pela Transalvador no Shopping Barra ou na sede da autarquia, nos Barris. 

No centro de compras, o balcão ficará localizado no piso L4 Setor Leste, próximo à pizzaria Mama Jamma, até o dia 15 de fevereiro, e funcionará de acordo com os horários do shopping. Na sede da Transalvador, nos Barris, o atendimento será de segunda a sexta-feira, das 9h às 16 h, exceto feriados, e acontecerá até o final da folia momesca. 

No cadastramento presencial, a credencial é entregue na hora. É necessário ter em mãos os documentos de identificação. A credencial só será entregue ao proprietário ou inquilino (com contrato de locação). É preciso informar o IPTU juntamente ao CPF ou CNPJ do proprietário do imóvel. Lembrando que cada residência terá direito a até dois veículos cadastrados.

Agendamento 

Para facilitar ainda mais a vida do cidadão, a Transalvador possibilitou que o morador pudesse agendar o atendimento nos postos. Para isso, o cidadão deve cadastrar o imóvel e os dados do veículo no site mobilidadenocarnaval. salvador. ba. gov. br, clicando em Credenciamento do Morador, consultar o IPTU, fazer cadastro do imóvel e acrescentar dados do(s) automóvel(is). Em seguida, ainda no site, deve agendar a retirada das credenciais num dos locais de atendimento. Deve-se salientar que esse procedimento só pode ser feito por quem não cadastrou o veículo para receber a credencial na residência. 

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Mais para você