PF prende dois por remessa de drogas por correio expresso

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira (18/4) dois irmãos por tráfico internacional de drogas, no âmbito da Operação Faro Fino, ação permanente para coibir o uso da via postal para o tráfico de drogas para o exterior. Eles foram presos na Vila Formosa, zona leste de São Paulo.

O inquérito policial teve início em janeiro deste ano, quando uma empresa de correio expresso informou à Polícia Federal a existência de substância que poderia se tratar de entorpecente em quatro encomendas aparentemente relacionadas entre si. A perícia identificou mais de 30 kg de cocaína ocultos em bastões de silicone, tomadas, interruptores, chuveiros, tubos de cola, creme protetor para mãos, desengripantes e lubrificantes. Essas postagens com cocaína tinham por destino Camarões, Madagascar, Tailândia e Moçambique.

As investigações da PF apontaram que os responsáveis pelas remessas se utilizaram de documentos falsos nas empresas de envio. Após diversas diligências, foi possível identificar os responsáveis pelas remessas, quando a PF solicitou à Justiça Federal a expedição de mandados de prisão e busca em seus domicílios.

Hoje, nas buscas, foram apreendidos documentos com os nomes falsos utilizados nas postagens e três veículos registrados com um dos nomes falsos.

Os presos se encontram à disposição da Justiça e responderão por tráfico internacional de drogas e uso de documento falso. A investigação prossegue para identificar os fornecedores das drogas e outros possíveis comparsas do grupo criminoso.

Por | PF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *