InícioNotíciasSociedadeAcadêmicas da FACISA produzem vídeo para marcar o mês de enfrentamento à...

Acadêmicas da FACISA produzem vídeo para marcar o mês de enfrentamento à violência contra as mulheres

Engajadas socialmente pelo o “Agosto Lilás” campanha pelo fim da violência contra mulher, acadêmicas da FACISA- Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas de Itamaraju, sob orientação do professor Emanuel Vieira produziram um vídeo abordando o combate à violência doméstica contra a mulher.

A produção foi apresentada na disciplina de Sociologia e teve como objetivo apresentar situações de mulheres que procuram por ajuda, trabalhando a questão da prevenção e combate à violência contra as mulheres.

De acordo com o professor Emanuel Vieira, o trabalho apresentado pelas acadêmicas atendeu o objetivo da disciplina, apresentando assim a realidade social vivenciada por muitas mulheres, além da relevância das discussões e participação dos acadêmicos em campanhas que impactam na formação de profissionais críticos e éticos.

“Parabéns as acadêmicas. O trabalho foi muito bem elaborado e merece ser compartilhado com a sociedade”, enfatiza o professor Emanuel Vieira.

O vídeo se encontra disponível logo abaixo e sua exibição foi autorizada. A participação da sociedade na prevenção da violência contra mulher pode ser realizada através de denúncias no 180.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Tudo acordado com o Executivo sobre emendas foi sancionado, diz Haddad

“Isso foi reconhecido pelo próprio Arthur Lira”, afirma o ministro da Fazenda em relação...

Marta estreia na campanha de Boulos em reduto onde ajudou rival tucano

São Paulo – De volta ao PT, a ex-prefeita paulistana Marta Suplicy fará, nesta...

Bolsonaro se hospedará no Palácio dos Bandeirantes quando for para ato

Divulgação/Redes sociais 1 de 1 O governador de São Paulo, Tarcísio Gomes de Freitas,...

Mulher morre arrastada por enxurrada em São Paulo após salvar o neto

Uma mulher identificada como Rosângela Custódio, de 51 anos, morreu na noite de terça-feira,...

Mais para você