InícioEditorialPolítica NacionalBanco Asiático quer investir em grandes obras e ligação com Pacífico

Banco Asiático quer investir em grandes obras e ligação com Pacífico

O presidente do banco, Jin Liqun, se reuniu nesta 2ª feira (4.mar.2024) com Lula e disse estar disposto a investir em projetos de infraestrutura no Brasil

A conversa não avançou aos detalhes de quais projetos brasileiros poderiam ou não ter investimento do banco, segundo Liqun (foto) Ricardo Stuckert/Planalto – 4.mar.2024

Mateus Maia 4.mar.2024 (segunda-feira) – 15h33

O presidente do Banco Asiático, Jin Liqun, afirmou nesta 2ª feira (4.mar.2024) que a instituição tem interesse em investir em grandes obras de infraestrutura no Brasil, como ferrovias e projetos que conectem o país com o oceano Pacífico. A declaração foi dada depois de o executivo se reunir com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no Palácio do Planalto.

“Até agora, estamos adequadamente capitalizados e não temos restrições de capital. Desde que tenhamos bons projetos, forneceremos financiamento. Queremos projetos de grande porte. Se houver um grande projeto de infraestrutura, como uma ferrovia, que seja importante para o seu país, ou se houver projetos de conectividade indo para o oeste para alcançar o Pacífico, isso não é um problema para nós”, falou.

Segundo o banqueiro, a conversa com Lula não chegou a detalhes de quais projetos brasileiros poderiam ou não ter investimento do banco, mas ele disse ter deixado clara a intenção de cooperar com o governo federal.

“Não discutimos sobre projetos específicos, pois esta é a primeira conversa, como o presidente disse, apesar de eu já ter estado aqui antes. Estamos aqui para uma cooperação de longo prazo e se o governo propor projetos importantes para nós, estaremos prontos”, disse.

Dilma e FMI Lula também recebeu no Planalto a presidente do Banco dos Brics, Dilma Rousseff, e a diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Kristalina Georgieva. O ministro Fernando Haddad (Fazenda) participou.

Em agosto de 2023, Lula disse que o país iria “crescer de forma sólida e confiável” e contrariar todas as projeções divulgadas pelo FMI.

Assista ao momento (4min59s):

Sérgio Lima/Poder360 – 04.mar.2024

O presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva ( PT) durante reunião com Kristalina Georgieva, diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional)

Sérgio Lima/Poder360 – 04.mar.2024

A diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Kristalina Georgieva, durante reunião com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT)

Sérgio Lima/Poder360 – 04.mar.2024

A presidente do banco dos Brics e ex-presidente do Brasil, Dilma Rousseff, durante reunião com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e a diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Kristalina Georgieva

Sérgio Lima/Poder360 – 04.mar.2024

Além do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), também participaram da reunião com a diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional) nesta 2ª feira (4.mar.2024), a ex-presidente da República e atual presidente do Banco dos Brics, Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda Fernando Haddad, no Palácio do Planalto

Sérgio Lima/Poder360 – 04.mar.2024

O presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva ( PT) durante reunião com Kristalina Georgieva, diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional). Um dos temas na pauta foi o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil Em maio do ano passado, o FMI cortou para 0,9% a projeção para o crescimento do Brasil neste ano. Na 2ª feira (31.jul.2023), porém, a instituição projetou um aumento de 2,1% para a economia brasileira em 2023 e de 1,2% em 2024. Os dados (íntegra – 7 MB) estão disponíveis no relatório regular de supervisão da economia do país.

O PIB (Produto Interno Bruto) do país cresceu 2,9% em 2023. Houve leve desaceleração na comparação com 2022, quando a alta foi de 3%. Em valores nominais, a economia brasileira movimentou R$ 10,9 trilhões em 2023.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou os dados na 6ª feira (1º.mar). Eis a íntegra do relatório (PDF – 2 MB).

Eis a trajetória anual do PIB brasileiro:

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Zona Franca de Manaus mantém benefícios fiscais com reforma tributária

Proposta de regulamentação da reforma tributária dá incentivos para a produção industrial e para...

Governo consegue adiar sessão sobre derrubada de vetos de Lula, evita derrotas e contraria Lira

Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira...

Contratadas! Fernanda e Pitel ganham programa no Multishow

Instagram/Reprodução 1 de 1 Fernanda e Pitel posam juntas durante festa no BBB24 -...

DF: Receita desarticula esquema de sonegação com rombo de R$ 98 mi

Divulgação / Secretaria de Economia 1 de 1 Viaturas da Receita do DF -...

Mais para você