InícioEditorialClassificação da França quebra 'maldição das campeãs' na Copa

Classificação da França quebra ‘maldição das campeãs’ na Copa

Ao bater a Dinamarca por 2×1 na tarde deste sábado (26), a seleção  da França colocou fim uma ‘maldição’ que atingiu as últimas três campeãs do Mundial, Itália Espanha e Alemanha. A zica em cima dos europeus começou em 2006 e, desde aquela Copa, nenhuma campeã do Mundo conseguiu passar da fase de grupos na edição seguinte.

Na Copa da Alemanha, a Itália consagrou-se tetracampeã e chegou com a moral alta na África do Sul. Mas o desempenho foi muito abaixo do esperado e a Azzurri caiu para Paraguai, Eslováquia e Nova Zelândia quatro anos depois.

Naquele ano, a Espanha levantou seu primeiro troféu de campeã, mas acabou amargando uma eliminação na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, quando ficou de fora no Grupo B, que teve como classificadas a Holanda e o Chile. O mesmo se repetiu em 2018, quando a Alemanha deu vexame e, depois do tetra no Maracanã, foi eliminada pelo México e Coréia do Sul na Rússia.

Desta vez, criou-se uma expectativa para saber se França de Mbappé cairia na fase de grupos, em uma chave com Dinamarca – maior ameaça – Austrália e Tunísia. Para a felicidade da torcida francesa, a equipe não fez feio e venceu seus dois jogos até aqui. Além do 2×1 diante da Dinamarca neste sábado, já havia vencido a Austrália por 4×1 na estreia da competição.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Globo dá passo atrás e volta com ex-diretor após fracassos de remakes

O remake de Renascer, que está no ar na Globo, não tem tido o...

Gasolina e diesel terão valores reajustados nesta semana

O governo anunciou um aumento nos preços dos combustíveis como parte de uma estratégia...

Como Funciona uma Bomba Pneumática Plástica?

A bomba pneumática diafragma plástica são amplamente utilizadas em diversas indústrias devido à sua...

Vaccari, ex-tesoureiro do PT, volta a influir na Petrobras

Preso pela Lava Jato e solto em 2019, João Vaccari Neto está trabalhando nas...

Mais para você