InícioNotíciasPolíticaCom alta de ações da Petrobras, Bolsa recupera parte do prejuízo

Com alta de ações da Petrobras, Bolsa recupera parte do prejuízo

O Ibovespa, principal indicador do desempenho das ações negociadas na Bolsa de Valores brasileira (B3), encerrou a quinta-feira (5/1) em alta de 2,1%, aos 107.641 pontos. Os ganhos de hoje e ontem anulam parte das perdas acumuladas nas duas primeiras sessões da Bolsa de 2023.

Depois de derreter cerca de 3% nas duas primeiras sessões de 2023, o Ibovespa encerrou a quarta-feira (4/1) com ganhos de 1,12%, aos 105.334,46 pontos.

Os investidores seguem repercutindo as declarações do futuro presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, que ontem (4/1) afirmou que não haveria intervenção direta nos preços de combustíveis da empresa, nem desvinculação das cotações internacionais, o que tranquilizou o mercado.

As ações da petroleira avançaram 3,6% hoje, mas os ganhos não foram suficientes para apagar a desvalorização de 2,5% acumulada desde segunda-feira (2/1).

Outro fator que impulsionou o mercado foi a alta dos papéis dos bancos. Bradesco, Itaú e Santander registraram valorização entre 2 e 4% no dia. O Banco do Brasil teve alta de 4,5% e pegou carona na visão mais otimista de que o governo pode não interferir de forma direta nos negócios das empresas estatais.

Já a valorização dos bancos públicos foi resultado de um discurso apaziguador de Rui Costa, ministro da Casa Civil, ontem. Nos últimos dias, chefes de diferentes pastas defenderam a ampliação de gastos do governo federal ou a anulação de reformas que surtiram efeitos fiscais importantes, como a reforma da Previdência.

Diante da reação negativa do mercado, Costa foi à público para dizer que “não há nenhuma proposta sendo analisada ou pensada neste momento para revisão de reforma, seja previdenciária ou outra”. O apagar de incêndio pareceu funcionar, e ajudou o mercado a vislumbrar uma situação de gastos ligeiramente melhor, o que tem efeitos positivos sobre os juros e inflação.

DólarEm um dia de tranquilidade e alívio no mercado financeiro, o dólar encerrou a sessão desta quinta-feira (5/1) em forte baixa, voltando a ficar abaixo dos R$ 5,40.

A moeda americana terminou negociada a R$ 5,352, um recuo de 1,84%, mantendo uma trajetória descendente desde as primeiras horas da manhã.

Com o resultado desta quinta, a moeda acumula alta de 1,4% em 2023.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Espanha exige desculpa de Milei por xingar esposa do primeiro-ministro

Tomas Cuesta/Getty Images 1 de 1 Foto colorida de Javier Milei, presidente da Argentina...

Paulo Pimenta expõe divergências com Eduardo Leite sobre as enchentes no RS

O ministro Paulo Pimenta, designado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para coordenar...

Estragos no RS não são motivo para “liberou geral”, diz Bruno Dantas

Presidente do TCU afirma ver no ministro da Fazenda, Fernando Haddad, um aliado para...

Ex-affair de Buda assume romance com empresária

Após viver um breve affair com o ex-BBB Lucas Henrique, o Buda, Nina Capelly...

Mais para você