InícioNotíciasPolicialDesembargador diz que suposta escravidão era ato de amor: 'Membro da família'

Desembargador diz que suposta escravidão era ato de amor: ‘Membro da família’

O desembargador Jorge Luiz Borba, suspeito de manter uma trabalhadora surda e muda em condições análogas à escravidão, negou o crime. Ele afirmou que a mulher foi acolhida como um “ato de amor” e que vive com a família há mais de 30 anos.

Segundo o Uol, Jorge Luiz Borba, que trabalha no Tribunal de Justiça de Santa Catarina, foi alvo hoje de operação da Polícia Federal. 

Em nota divulgada, o desembargador apresentou a tese de que a trabalhadora sempre recebeu “tratamento igual ao dado aos nossos filhos”. 

Ele também disse ter recebido a notícia da investigação com “surpresa e inconformismo”. Borba também afirmou acreditar na “justa elucidação dos fatos” e que não será penalizado por “fazer o bem”. 

Confira a nota do desembargador
“Venho manifestar surpresa e inconformismo com o ocorrido, antecipando, desde logo, que aquilo que se cogita, infundadamente, como sendo “suspeita de trabalho análogo à escravidão”, na verdade, expressa um ato de amor. Haja vista que a pessoa, tida como vítima, foi na verdade acolhida pela minha família. 

Trata-se de alguém que passou a conviver conosco, como membro da família, residindo em nossa casa há mais de 30 anos, que se juntou a nós já acometida de surdez bilateral e muda, tendo recebido sempre tratamento igual ao dado aos nossos filhos. 

Embora irresignado, confio serenamente na justa elucidação dos fatos, certo de que, quem faz o bem não pode ser penalizado. Colocamo-nos à disposição de todos, posto que dispomos de elementos suficientes para comprovar a dignidade dos nossos propósitos, que foram, são e serão exclusivamente humanitários, de amor ao próximo.”

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Em despedida do TSE, Moraes diz que atuou contra o “populismo digital”

Sem citar nomes, ministro afirmou que a Corte não se “acovardou” mesmo com críticas...

“70% de certeza”, diz ex-affair sobre possível paternidade de Buda

Nina Capelly, prima de MC Binn, descobriu recentemente que está esperando um bebê. A...

Irmã de Gisele Bündchen decidirá sobre socorro do governo Lula ao RS

Instagram/Reprodução 1 de 1 Gisele Bündchen posa de look marrom e cabelos soltos para...

Mais para você