InícioEditorialDesfile do 7 de Setembro deve reunir cerca de 30 mil pessoas...

Desfile do 7 de Setembro deve reunir cerca de 30 mil pessoas em Brasília

O tradicional desfile cívico-militar de 7 de Setembro, em Brasília, principal evento comemorativo da Semana da Pátria, deve reunir cerca de 30 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, segundo expectativa do Governo Federal. O desfile terá início às 9h, com previsão de durar cerca de 2 horas. São esperados cerca de 200 autoridades e convidados na tribuna de honra com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), entre ministros, chefes de poderes e representantes das Forças Armadas. Este ano, o slogan da semana é “Democracia, soberania e união”. Na cerimônia do desfile cívico-militar, entre outras atrações, terá a execução do Hino Nacional, passagem das tropas das Forças Armadas – Marinha, Exército e Força Aérea -, com veículos e aeronaves, apresentação de escolas públicas do Distrito Federal, do Corpo de Bombeiros, além de bandas.

A cerimônia será aberta pela Fanfarra do 1º Regimento da Cavalaria de Guardas, os Dragões da Independência, e o coral dos alunos do Colégio Militar de Brasília, que executarão o Hino Nacional e o Hino da Independência. Em seguida, o comandante militar do Planalto, general de divisão Ricardo Piai Carmona, apresentará a tropa ao presidente da República e solicitará autorização para dar início ao desfile. Caberá ao medalhista de ouro no boxe nas Olimpíadas de Tóquio 2020, o terceiro sargento Hebert Conceição, dar início ao desfile. Ele conduzirá o fogo simbólico da pátria, acompanhado por esportistas e alunos dos colégios militares de Brasília. O ponto alto do desfile será a apresentação aérea da Esquadrilha da Fumaça, que encerra a solenidade com uma demonstração acrobática.

Para garantir a segurança das pessoas que vão assistir o desfile, alguns itens serão proibidos, como fogos de artifício e similares; armas em geral; apontador a laser ou similares; artefatos explosivo; spray e aerossóis; mastros confeccionados com qualquer tipo de material para sustentar bandeiras e cartazes. Não serão permitidos também garrafas de vidro e latas; armas de brinquedo, réplicas, simulacros e quaisquer itens que tenham aparência de arma de fogo; drogas ilícitas, conforme a legislação brasileira; substâncias inflamáveis de qualquer tamanho ou tipo; armas brancas ou qualquer objeto que possa causar ferimentos, mesmo que representem utensílios de trabalho ou cultural, a exemplo de tesouras, martelos, flechas, tacos, tacape e brocas. Também está proibido o uso de drones no espaço aéreo da Esplanada dos Ministérios. Intervenções no trânsito e revistas serão realizadas, com ações de policiamento e reforço nos atendimentos de emergência e de delegacias específicas para registro de ocorrências.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, disse na segunda-feira, 4, que a expectativa é que o desfile do 7 de setembro ocorra em clima de tranquilidade e concórdia. Ele destacou que o esquema de segurança estará reforçado. A Força Nacional atuará em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) para auxiliar na proteção da ordem pública e do patrimônio público e privado, da União e do Distrito Federal.

*Com informações da Agência Brasil

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Desmatamento no Brasil: Cerrado ultrapassa Amazônia em área desmatada

O Relatório Anual do Desmatamento (RAD) no Brasil do MapBiomas, divulgado nesta terça-feira (28),...

Ministro de Minas e Energia diz que ‘Minha Casa, Minha Vida’ terá 100% de moradias com energia solar

Alexandre Silveira, ministro de Minas e Energia, disse durante a 3ª Reunião do Grupo...

Appy estima alta de 5 p.p. no PIB com fim da cumulatividade tributária

A deputados, secretário extraordinário afirma que a reforma trará efeito positivo na economia brasileira ...

Mais para você