InícioEntretenimentoCelebridadeDF: 1.082 carros abandonados foram retirados das ruas neste ano

DF: 1.082 carros abandonados foram retirados das ruas neste ano

Realizada pelo Governo do Distrito Federal (GDF), a operação DF Livre de Carcaças recolheu 1.082 veículos abandonados das ruas somente neste ano. Nas próximas duas semanas, a iniciativa encerrará as atividades de 2023 atendendo regiões de Taguatinga.

“Finalizaremos as operações do ano em Taguatinga devido à grande concentração de veículos abandonados, especialmente na área do Setor H Norte. Estamos orientando, advertindo e recolhendo em uma ação conjunta”, explica o coordenador Marcelo Mororó.

Mororó alerta que as carcaças dos carros podem multiplicar focos de mosquitos transmissores da dengue e de outras doenças, além de servirem de abrigo para criminosos ou mesmo locais para a prática de crimes diversos e atos de vandalismo.

Depois de recolhidos, os veículos são encaminhados ao depósito do Departamento de Trânsito (Detran-DF), onde permanecem por 60 dias. Após o prazo, caso o proprietário não solicite a devolução do bem, o automóvel vai a leilão.

A população pode participar ativamente da operação ao entrar em contato com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) e denunciar o abandono de veículos em espaços públicos. Para isso, foi criado um novo canal para o encaminhamento de informações, por meio do e-mail [email protected].

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Holocausto “não pode ser comparado a nada”, diz chanceler alemã

Annalena Baerbock está no Brasil para o encontro de ministros do G20 e foi...

Grupo que matou jovem fez outra vítima com “mesmo modus operandi”

Os envolvidos na morte do vendedor Matheus Silva Cruz (foto em destaque), 23 anos,...

Rio de Janeiro decreta epidemia de dengue

O Estado do Rio de Janeiro decretou nesta quarta-feira, 21, epidemia de dengue em...

Tudo acordado com o Executivo sobre emendas foi sancionado, diz Haddad

“Isso foi reconhecido pelo próprio Arthur Lira”, afirma o ministro da Fazenda em relação...

Mais para você