InícioEditorialPolítica NacionalGoverno de São Paulo lança o Provão Paulista nesta segunda-feira

Governo de São Paulo lança o Provão Paulista nesta segunda-feira

O governo do Estado de São Paulo lança, nesta segunda-feira, 10, o Provão Paulista, medida que prevê um novo tipo de ingresso dos alunos de escolas públicas nas universidades paulistas. De acordo com a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, a nova avaliação poderá ser utilizada como entrada direta para mais de 10 mil vagas nas principais universidades públicas do Estado, como a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade de Campinas (Unicamp), a Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp). A prova começa a ser aplicada neste ano, em novembro. Na reunião que aprovou a implementação, o reitor da USP, Carlos Gilberto Carlotti Junior, defendeu o modelo: “Nós vamos seguir esses alunos três anos, não só uma prova de um dia, que se tiver uma dor de cabeça ou alguma coisa você esta fora dessa prova. Vamos conseguir seguir o aluno. Isso é o que nós estamos trazendo para vocês aqui, aproximação com o ensino médio, maior garantia de permanência e eu acho que vamos trazer melhor qualidade à universidade também”.

O objetivo do Provão é evitar a evasão escolar. Neste primeiro ano de exame, os resultados poderão ser usados para que os estudantes do terceiro ano do ensino médio entrem na universidade, mas, a partido do ano que vem, será utilizada uma nota acumulada das provas feitas no segundo e no terceiro ano. A partir de 2025, serão consideradas as avaliações feitas nos três anos do ensino médio. O pró-reitor de graduação da USP, Aluísio Segurado, afirmou que um dos principais desafios é aumentar o interesse dos estudantes: “Esta prova está sendo idealizada para que seja aplicada aos 400 mil estudantes do ensino médio, no primeiro ano, no segundo ano e no terceiro ano do ensino médio”.

Segundo a Universidade de São Paulo, apenas 16% dos 400 mil alunos que concluíram o ensino médio na rede pública fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado e 8,7% destes concluintes se inscreveram no vestibular da USP nos últimos cinco anos. Já neste ano, a USP deve oferecer 1,5 mil vagas dentro da modalidade do Provão Paulista. A Unicamp deve oferecer 300 vagas. Também há a expectativa de que a Secretaria Estadual de Educação ofereça uma bolsa a alunos com necessidades socioeconômicas. O valor do auxílio ainda não foi definido, mas a expectativa é de que ele fique seja estimado em cerca de R$ 800.

*Com informações da repórter Beatriz Manfredini

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

No STF, PM réu pelo 8/1 vê descoordenação de inteligência e cita erros

O ex-comandante-geral da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) coronel Fábio Augusto Vieira, réu...

Documentos secretos revelam que ditadura expulsou diplomatas gays

Um novo relatório secreto chegou à mesa do ministro José de Magalhães Pinto, em...

Janja brinca com militar, entrega cadela Resistência e a pede de volta

Primeira-dama fez graça durante envio de ração para pets ao Rio Grande do Sul;...

Leo Santana lota Anhangabaú na abertura da Virada Cultural de SP

São Paulo — O começo do show atrasou mais de uma hora e o...

Mais para você