InícioEditorialPolítica NacionalGoverno Lula tira Polícia Federal de desfile do 7 de Setembro

Governo Lula tira Polícia Federal de desfile do 7 de Setembro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tirou a Polícia Federal do tradicional desfile cívico-militar do dia 7 de Setembro deste ano. Tradicionalmente, a força policial participa da cerimônia. A intenção, segundo o governo, é “despolitizar” o Dia da Independência do Brasil. O comunicado já foi feito pelo diretor-geral da PF, Andrei Passos. Ele explicou às superintendências estaduais que, apesar de não desfilar enquanto corporação, membros da Polícia Federal poderão participar da solenidade caso sejam convidados pela comitiva das autoridades de seus respectivos Estados. “Considerando determinação recebida do Cerimonial da Presidência da República e visando a padronização em nível nacional, comunico que a Polícia Federal não integrará o aparato do desfile de 7 de Setembro. Ressalto que não há objeção dos dirigentes das Unidades no dispositivo de autoridades caso convidados”, diz o comunicado. Ainda não há confirmação sobre outras entidades que vão ficar de fora do 7 de Setembro, mas o governo Lula quer uma cerimônia mais enxuta do que as vistas durante o governo de Jair Bolsonaro (PL).

O esquema de segurança para o 7 de Setembro deve ser semelhante ao da posse presidencial de Lula. Haverá controle da entrada e da saída da Esplanada dos Ministérios. O governo do Distrito Federal (GDF) vai reforçar a segurança do evento. O governo e o GDF entendem que não haverá mobilização de eleitores de Bolsonaro ou de antagônicos ao atual chefe do Poder Executivo. No entanto, a decisão é de prevenir para evitar atos de violência como os observados na diplomação de Lula, em 12 de dezembro, e, principalmente, a depredação e invasão dos prédios dos Três Poderes como no 8 de janeiro. Nos últimos anos, o 7 de Setembro ficou marcado por grandes eventos promovidos pelo ex-presidente Jair Bolsonaro.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Bahia mobiliza especialistas para auxiliar no enfrentamento das enchentes no Rio Grande do Sul

Em resposta à crise hidrológica que afeta o Rio Grande do Sul, o Estado...

Eduardo Bolsonaro elogia sheik árabe por doações ao RS

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) disse que Mohammed Bin Zayed é o “maior...

Irã: vice diz que resgate fez contato com passageiros de helicóptero

Getty Images 1 de 1 Imagem colorida de Ebrahim Raisi - Metrópoles ...

Enchentes no RS afetam 2,3 milhões de moradores e causam 157 mortos

As enchentes no Rio Grande do Sul elevaram neste domingo (19) o número de...

Mais para você