InícioNotíciasPolíticaJanja comemora 1 mês de governo, chama Lula de “iluminado” e vândalos...

Janja comemora 1 mês de governo, chama Lula de “iluminado” e vândalos de “canalhas”

A primeira-dama Rosângela Silva, conhecida como Janja, comemorou, nesta quarta-feira (1º/2), os 30 dias de governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Em uma live nas redes sociais, Janja disse que o marido é “iluminado” e um “grande líder mundial”.

Na transmissão, a primeira-dama comentou os atos golpistas de 8 de janeiro, quando bolsonaristas radicais invadiram e depredaram as sedes dos Três Poderes, em Brasília. Mais de 1,3 mil pessoas foram presas por participação ou envolvimento nos ataques às instituições.

Segundo Janja, a população ainda vivia um momento de alegria da posse de Lula quando os atos terroristas ocorreram. Na live, ela chamou os vândalos de “canalhas” e “bandidos”.

“A gente [Janja e Lula] chegou de viagem e veio aqui para o Planalto. Eu chorava aqui nos corredores, porque não estava acreditando que uma semana antes a gente estava tendo aquele simbolismo todo na rampa e, no dia 8, aqueles canalhas, aqueles vândalos, aqueles bandidos, fizeram o que fizeram na rampa do Planalto”, afirmou.

Vitória de PachecoNa live desta quarta, a primeira-dama também comemorou a reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD-MG) como presidente do Senado.

Pacheco foi reeleito com 49 votos. Ele seguirá no comando do Senado por mais dois anos, até 2025. Seu adversário na disputa, Rogério Marinho (PL-RN), recebeu outros 32. Não houve votos em branco.

Janja lembrou de quando, no dia seguinte aos atos golpistas de 8 de janeiro, o presidente Lula desceu a rampa do Palácio do Planalto acompanhado da presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, e do Senado, Rodrigo Pacheco.

“Foi muito importante o dia seguinte, onde todos se reuniram pela democracia, em defesa da democracia. A gente desceu a rampa e aí acho que a gente apaga um pouco também do que foi a imagem do que eles fizeram no domingo, quando o presidente Lula, de braços dados com a presidente do STF, com o presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco, que acabou de ganhar a eleição, a gente acabou de receber a informação aqui. Amém. Mais uma derrota para ele [Bolsonaro]”, afirmou.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Mobilização indígena em Brasília vai pressionar contra o marco temporal

Acampamento Terra Livre deve durar 5 dias e organização espera reunir mais de 6...

Monitor da USP diz que ato de Bolsonaro em Copacabana reuniu 32,7 mil pessoas

Foto: Saulo Angelo/Thenews2/Folhapress Ato de Bolsonaro no Rio de Janeiro 21 de abril de...

Destruição da Amazônia reduz etnia Akuntsu a apenas 3 mulheres

A pressão ao longo de décadas de colonizadores e desmatadores reduziu uma das pouco...

Fiscalização da Lei Seca flagra ‘fadas’ cobrando para ajudar motoristas na blitz

A fiscalização da Lei Seca no Rio de Janeiro flagrou motoristas que cobram dinheiro...

Mais para você