InícioEditorialPolítica NacionalSem a mesma ajuda dada à esposa de Rui, auditor busca sozinho...

Sem a mesma ajuda dada à esposa de Rui, auditor busca sozinho apoio para vaga no TCM

Ao contrário do esforço empregado para emplacar a ex-primeira-dama Aline Peixoto no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), quando mobilizou a base aliada em prol da esposa do ministro Rui Costa (Casa Civil), o governador Jerônimo Rodrigues (PT) não moveu uma palha sequer para efetivar, com rapidez, a nomeação do auditor Ronaldo Nascimento no cargo de conselheiro pela vaga reservada aos servidores de carreira da corte. Sem auxílio da articulação política do Palácio de Ondina, Nascimento percorreu sozinho os corredores da Assembleia Legislativa nos últimos dois dias, em busca de apoio dos parlamentares para tentar acelerar a aprovação de seu nome pelo plenário da Casa.

Pesos e medidas
O desinteresse foi atribuído por deputados da base aliada e da oposição ao fato de que a indicação do auditor, reconhecido como um dos quadros mais destacados do TCM, tem caráter iminentemente técnico. Diferente da ex-primeira-dama, que sequer possuía experiência para o cargo, mas entrou pela cota política.

No meio da lambança
Antes de iniciar a corrida por apoio na Assembleia, Ronaldo Nascimento foi protagonista da maior trapalhada cometida por Jerônimo nos quatro primeiros de governo. Na sexta-feira passada, o petista publicou a nomeação do auditor no Diário Oficial, mas esqueceu de combinar com a Constituição da Bahia. No caso, o artigo 94, que exige aval do Legislativo para indicados ao cargo de conselheiro dos tribunais de contas na esfera estadual. Após a oposição apontar a ilegalidade, considerada crime de responsabilidade, Jerônimo anulou o próprio ato e enviou a indicação para análise dos parlamentares, como manda a lei.

Sacola cheia
A vice-prefeita  e secretária municipal da Saúde, Ana Paula Matos (PDT), conquistou uma parceria de peso na série de visitas pelos Estados Unidos, semana passada. Convidada para representar Salvador na Cúpula das Américas, Ana Paula aceitou a oferta da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) para auxiliar na capacitação de profissionais de SUS que atuam com portadores de doenças crônicas na capital. A Opas também ofereceu ajuda na montagem de dados de saúde por bairro, para que os serviços sejam direcionados de acordo com a necessidade  de cada região.

Bola murcha
Líderes sindicais não escondem a indigestão com a proposta de reajuste no salário dos servidores estaduais, enviada ontem à Assembleia pelo Poder Executivo. Esperavam que Jerônimo Rodrigues propusesse pelo menos 9%,  similar ao índice concedido pelo presidente Lula (PT) aos servidores federais. No entanto, o percentual definido pelo governador foi de 4%, menos da metade do que desejavam.

Má herança
A conta da derrota sofrida pelo ex-deputado Ronaldo Carletto no duelo com cardeais do PP baiano acabou no colo do sobrinho. Como não pode seguir agora o tio, que deixou o PP e anunciou filiação ao Avante, o deputado federal Neto Carletto enfrentará um longo isolamento na sigla até a próxima janela de trocas partidárias.

Todo benefício é bem-vindo, mas quando se fala de um programa de governo para combater a fome na Bahia, deve ser estruturado. Do jeito que tem sido feito, não passa de gincana escolar Alan Sanches, deputado estadual da União Brasil e líder da bancada oposicionista, ao criticar o modelo do Bahia Sem Fome, baseado em doações

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Após happy hour com a Câmara, Lula fará reunião com o Senado

Em entrevista à “RedeTV!” presidente diz que pretende tornar...

Crianças mimadas? Psicóloga aponta problemas de uma criação inadequada

Na última segunda-feira (26/2), a cantora Wanessa Camargo foi chamada de mimada por um...

Delegado sobre morte de kalunga em pau-de-arara: “Culpa da vítima”

A Polícia Civil de Goiás concluiu o inquérito para investigar a morte da quilombola...

Polícia faz operação contra facção criminosa em comunidades do Rio; sete são mortos e dois PMs ficam feridos

A Polícia Militar e a Polícia Civil do Rio de Janeiro iniciaram nas primeiras...

Mais para você