InícioEditorialPolítica NacionalSP conclui 1ª fase da maior usina solar flutuante do país

SP conclui 1ª fase da maior usina solar flutuante do país

Instalada sobre a represa Billings, planta terá capacidade para produzir até 10 GWh por ano, o equivalente ao consumo de 4.000 casas

Cerimônia de entrega da 1ª etapa de implantação da usina foi realizada na 4ª feira (17.jan) Marcelo S. Camargo/Governo do Estado de SP – 17.jan.2023

PODER360 21.jan.2024 (domingo) – 7h10

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), entregou na 4ª feira (17.jan.2024) a 1ª etapa de implantação da UFF (Usina Fotovoltaica Flutuante) Araucária, na represa Billings, na zona sul da capital. Com investimento inicial de R$ 30 milhões, a planta tem capacidade para produzir até 10 GWh por ano de energia solar, o equivalente ao consumo de 4.000 casas.

“O projeto é muito interessante porque a gente está aproveitando o espelho d’água para gerar energia, temos a 1ª usina fotovoltaica flutuante que vai gerar energia comercialmente no Brasil. É um exemplo que veio para ficar e temos que usar esse potencial para gerar energia limpa, barata e acessível. É mais um passo na nossa política energética de sustentabilidade”, disse Tarcísio.

Também participaram da cerimônia:

a secretária de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística do Estado, Natália Resende; o presidente da Assembleia Legislativa paulista, André do Prado (PL); o presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Milton Leite (União Brasil); o prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB); além de outras autoridades estaduais e municipais e gestores da Emae (Empresa Metropolitana de Águas e Energia). A usina é um dos principais projetos de desenvolvimento de energia sustentável em São Paulo. A conclusão está prevista para o final de 2025, com a entrega de mais 75 MW de energia renovável e investimento de R$ 450 milhões.

“Esta usina é a concretização do que estamos perseguindo no Estado de São Paulo em relação à energia limpa, transição energética e descarbonização. Nosso plano de energia tem um horizonte até 2050 e, só no ano passado, prospectamos mais de R$ 20 bilhões em projetos de energia que olham a economia circular. Isto significa usar energia limpa para levar prestação de serviço de qualidade aliada ao meio ambiente e ao que, de fato, significa sustentabilidade”, disse Natália Resende.

A usina possui um pico de potência instalada de 7 MW, com 5 MW de potência de conexão e painéis fotovoltaicos instalados sobre flutuadores de polietileno de alta densidade. A geração de energia aguarda licença de operação, emitida pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), para começar.

Quando começar a funcionar, a planta será a maior do país a operar comercialmente na modalidade de geração distribuída, com geradores localizados próximos aos centros de consumo. A produção da planta será abatida do consumo de energia elétrica dos clientes da usina, por meio de compensação nas contas de luz.

De acordo com o governo paulista, em 2 meses, a implementação da usina criou cerca de 200 empregos. Em comparação com a área total da Billings, o espaço ocupado pela usina na superfície da represa é menor que 0,1%, com baixo impacto ambiental de instalação no local.

Leia mais:

Governo começa a taxar carro elétrico e painel solar importado; ONS projeta aumento de 15% na demanda por energia até 2028; Capacidade de geração de energia aumenta 8,4 GW em 2023. Com informações da Agência SP.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Lewandowski determina inspeções em penitenciárias federais

Ministério da Justiça diz que câmeras defeituosas devem ser substituídas e o efetivo de...

Pomba ou rola? Chico Pinheiro detona Silas Malafaia. Entenda!

Chico Pinheiro virou assunto nesta quarta-feira (21/2), depois de fazer uma publicação bastante polêmica...

TV Globo toma atitude após atraso no pagamento de figurantes

Depois da coluna Fábia Oliveira noticiar que figurantes da TV Globo estavam reclamando da...

Mais para você