InícioEditorialPolítica NacionalVolta ao mundo: eleições do Parlamento Europeu e vitória de Modi na...

Volta ao mundo: eleições do Parlamento Europeu e vitória de Modi na Índia

Restrições na fronteira dos EUA com o México e novas regras de imigração em Portugal também foram destaques na semana

Na imagem, cidadão adicionando seu voto nas eleições para o Parlamento Europeu na urna Divulgação / Flickr / União Europeia

PODER360 9.jun.2024 (domingo) – 6h00

No quadro Volta ao Mundo, a equipe do Poder360 resume os principais fatos internacionais da última semana (3.jun.2024 a 17.jun.2024).

Assista (3min38s):

Se preferir, leia:

Eleições no Parlamento Europeu Na 5ª feira (6.jun), iniciaram-se as eleições para o Parlamento Europeu. No total, cerca de 373 milhões de candidatos dos 27 países integrantes da União Europeia vão às urnas para votar nos seus representantes para um mandato de 5 anos.

A votação começou na Holanda. No país, a coalizão de esquerda obteve maioria dos assentos destinados aos holandeses, com 8 cadeiras. O Partido da Liberdade, de direita, conseguiu eleger 7 parlamentares para o legislativo da União Europeia. Um resultado visto como positivo, dado que no pleito de 2019 o grupo alcançou só uma vaga.

A população da Irlanda e da República Tcheca votaram na 6ª feira (7.jun). Os demais países votaram ao longo do final de semana. O resultado antecipado das eleições nos 27 países será divulgado na noite deste domingo (9.jun). 

Eleições na Índia Na 3ª feira (4.jun), o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, declarou vitória nas eleições que duraram 44 dias e agradeceu aos eleitores pelos votos.

Apesar da vitória, o BPJ, partido de Modi, perdeu a maioria pela 1ª vez em 10 anos. A sigla esperava obter 400 das 543 cadeiras no parlamento. No entanto, conseguiu só 240 cadeiras, acomodando o número de assentos do partido que atualmente possui 303.

Com isso, Modi dependerá pela 1ª vez de coalizão para governar o país.

Restrições na fronteira EUA – México   Na 3ª feira (4.jun), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, emitiu uma ordem executiva que exige uma restrição temporária ao asilo na fronteira com o México.

A medida, que adota uma abordagem mais restritiva em relação à fronteira, é semelhante a uma tentativa apresentada pelo ex-presidente Donald Trump em 2018 e barrada pela Justiça norte-americana.

A ordem de Biden é assinada a 5 meses das eleições presidenciais no país. A questão migratória será um dos principais temas debatidos na disputa à Casa Branca. É também uma das principais críticas dos republicanos contra a administração do democrata.

Terrorismo na França Na 4ª feira (5.jun), a polícia francesa prendeu um homem russo-ucraniano de 26 anos suspeito de planejar um ataque terrorista.

O homem foi detido depois de sofrer um acidente com explosivos no quarto de um hotel em Paris. O caso se dá em momento de alta vigilância das autoridades quanto à atividade terrorista. O país teme ser alvo de atenção durante a realização das Olimpíadas de Paris, que começam em 26 de julho.

Imigração em Portugal Na 2ª feira (3.jun), o governo de Portugal anunciou um plano com novas regras de imigração. O comunicado feito pelo primeiro-ministro Luiz Montenegro, de centro-direito, deixa claro que os imigrantes já presentes em solo português não serão afetados.

Com a decisão, os imigrantes precisarão de um contrato de trabalho antes de se mudarem para o país. O governo do país pretende priorizar a imigração de profissionais especializados, estudantes, pessoas de países de língua portuguesa e quem possui família no país. 

Chuvas na Alemanha Também na 2ª feira (3.jun), fortes chuvas na Alemanha deixaram pelo menos 4 mortos. A inundação afetou principalmente os estados da Baviera e de Baden-Wurttemberg, no sudoeste do país.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Exclusivo: Hariany Almeida é vetada em programa de Virginia Fonseca

A coluna Fábia Oliveira descobriu novos capítulos dos bastidores da “treta” entre Virginia Fonseca...

Câmara aprova projeto de Lira para punir deputados brigões

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (12/6), projeto que prevê a suspensão de mandato...

‘Queremos fazer tudo legal, respeitando o meio ambiente’, diz Lula sobre exploração de petróleo na foz do Amazonas

Durante discurso para autoridades do governo da Arábia Saudita no Rio, o presidente defendeu...

Mais para você