InícioEditorialEsportesWellington Nem celebra primeiro gol pelo Vitória e fim de jejum

Wellington Nem celebra primeiro gol pelo Vitória e fim de jejum

Wellington Nem não curtia essa sensação havia um bom tempo. Depois de três anos e meio, o atacante voltou a balançar a rede. “Sentimento de alegria imensa poder marcar um gol com a camisa do Vitória. Estava procurando esse gol, trabalhando. Trouxe um alívio e espero poder fazer mais com a camisa do Vitória”, vibrou o jogador de 31 anos, durante entrevista coletiva concedida na Toca do Leão, na tarde desta segunda-feira (29). 

No último sábado (27), Wellington Nem garantiu o empate em 1×1 com o Avaí, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. Além de jogar bem, o atacante abriu o placar para Vitória aos 18 minutos da etapa inicial. Comemoração coletiva e individual. Ele não balançava a rede desde novembro de 2019, quando anotou para o Fluminense pelo Brasileirão.

“No decorrer dos últimos anos, eu fiz poucos jogos. Em 2020, eu nem joguei por causa da pandemia. Em 2021, joguei pelo Cruzeiro, mas poucos jogos. No Arouca (Portugal), em 2022, eu não joguei, fiquei seis meses em casa. Fazer gol é sempre bom e importante. Dá confiança e alegria. Fiquei muito feliz de poder fazer um belo gol no sábado, para minha família toda que sempre me apoiou”, festejou Wellington Nem. 

A partida contra o Avaí foi a segunda do atacante na Série B do Brasileiro, a primeira como titular. Ele entrou no decorrer do segundo tempo da vitória por 1×0 contra o CRB, no Barradão, e deixou uma boa impressão. Antes, Wellington Nem só tinha feito outros cinco jogos com a camisa do Vitória, um pela Copa do Brasil e quatro pela Copa do Nordeste. 

“Graças a Deus eu estava sempre à disposição do treinador. Não tive machucado, estou bem fisicamente. Quero agradecer a minha família, que me apoiou nesse momento em que eu não fui para os jogos, me deu força”.

Wellington Nem ganhou a oportunidade porque quatro atacantes não estavam à disposição para jogar contra o Avaí. Osvaldo foi poupado. Matheusinho, Léo Gamalho e Zé Hugo estavam vetados pelos médicos. Destes, apenas Osvaldo e Zé Hugo serão opção para a partida de sexta-feira (2), às 21h30, contra o Ituano, no Barradão. Com 19 pontos, o Vitória lidera a Série B. A equipe paulista está em 12º lugar, com 10 pontos. 

Wellington Nem soube aproveitar a oportunidade e quer ganhar sequência com a camisa vermelha e preta. “O gol foi muito importante para mim. A escalação só vai depender do professor Léo Condé, mas eu estou aqui para ajudar o Vitória”, avisou. “Estou à disposição. Me sinto bem, bem fisicamente. Trabalho muito para entrar em campo e entregar meu máximo. Estou focado. Podem ter certeza que dentro de campo vou entregar meu máximo para sair com um resultado bom para a gente”, prometeu.

Você sabia que o Itamaraju Notícias está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.

Últimas notícias

Vaccari, ex-tesoureiro do PT, volta a influir na Petrobras

Preso pela Lava Jato e solto em 2019, João Vaccari Neto está trabalhando nas...

Matteus após exposição de fraude: “Pessoas com maldade quiseram fazer”

O ex-BBB Matteus Amaral voltou a falar sobre a acusação de fraude no sistema...

Adolescente morre esfaqueado por segurança de condomínio em Guarulhos

São Paulo — Um adolescente de 17 anos foi morto esfaqueado pelo segurança de...

Mais para você