Itamaraju: Profissionais da educação permanecem com a “Operação tartaruga”

Na manhã da última segunda-feira (09), os profissionais da educação municipal de Itamaraju decidiram em assembleia, continuar com a “Operação Tartaruga” que se estenderá até próxima segunda-feira (16), quando acontecerá uma nova tentativa de negociação entre a APLB / Sindicato e o governo municipal “Manoel Pedro”. 

A APLB/Sindicato se mantém firme na luta pela equiparação salarial em busca do piso nacional no município.

Segundo o coordenador da APLB/ Sindicato, Noel Vieira, várias tentativas de negociações foram realizadas, mas todas sem êxito. Em busca de novos recursos a diretoria da APLB, integrou aos trabalhos um representante legal, o Advogado Nelson Moreno que fará parte dessa luta.

A princípio Nelson Moreno buscará por meio legal, tramitar um mandado de segurança em desfavor da prefeitura, para equipar os salários dos profissionais junto ao piso nacional.

Para Nelson Moreno, essa tarefa não será fácil, pois não só os profissionais da educação de Itamaraju tem buscado pelos seus direitos, mas em diversos municípios do país os gestores relutam em pagar o piso salarial alegando falta de recursos. O que é inaceitável.

Deixe seu comentário