Jequié: Polícia Civil desarticula quadrilha de traficantes

Quatro veículos, sendo dois deles de luxo, duas motocicletas e R$ 25 mil em dinheiro, além de seis traficantes presos, é o resultado de uma operação deflagrada pela 9ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Jequié, para o cumprimento de 11 mandados de prisão e de busca e apreensão expedidos pela Justiça. Entre os presos, está traficante Naildson de Oliveira Castro, o “Bambam”, apontado como líder do tráfico de drogas na região.

Proprietário de mais de 20 motocicletas e vários carros, “Bambam” locava os veículos para que os comparsas, chamados “aviões”, fizessem a entrega da droga e trafegassem mais facilmente em diversos pontos da cidade. A mulher do traficante, Roberta da Cruz Santos, também presa na operação, movimentava as contas correntes que a quadrilha utilizava para receber depósitos referentes ao pagamento das drogas.

Segundo informou o delegado André Aragão Lima, coordenador da 9ª Coorpin/Jequié, também estavam com as prisões decretadas Paulo Rogério Novaes da Silva, o “Chiquinho”, e Paulo Cicero Novais, o “Pingo”, Hemerson Souza Oliveira, o “Bolero”, e Ramon Bispo Souza Carvalho.
As investigações sobre a organização criminosa liderada por “Bambam” começaram em janeiro deste ano e, desde então, vários traficantes ligados a ele foram capturados. Um dos mandados de prisão foi cumprido contra Elton Santos Barbosa, custodiado no Conjunto Pena de Jequié.

Frota

Na casa de “Bambam” e Roberta, os policiais apreenderam R$ 25 mil, um Gol de cor prata, de placa HHG – 8134, um New Beatle, de placa NKR – 1920, avaliado em cerca de R$50 mil, e uma motocicleta Honda Biz, de placa NYX – 4866, além de vários comprovantes bancários constando movimentação financeira de altas somas, em nome de Roberta.
Com os irmãos “Chiquinho” e “Pingo”, a polícia encontrou um Citroen C4 Pallas, de placa JQJ-8227, de R$ 60 mil. Uma Saveiro, de placa JPZ – 0741, foi apreendida em poder de “Bolero”. Já Ramom Carvalho estava com uma motocicleta Honda CG, de placa OKJ-5940. “Bambam”, a mulher e os comparsas seguem custodiados na carceragem da 9ª Coorpin/Jequié.

Ascom-PC

Deixe seu comentário. Interaja Você Também!