Moto Facil

Traidores baianos do PSD e PP são alvos de protestos do MBL

O Movimento Brasil Livre (MBL) centra fogo nos deputados federais baianos do PSD e PP, que, discordando da maioria de seus partidos, não se manifestaram ainda a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff. “É uma vergonha que esses parlamentares traidores desrespeitem a orientação partidária e pensem apenas em vantagens pessoais, desprezando a vontade do povo baiano”, afirma o coordenador do MBL na Bahia, Ricardo Almeida.

Itamaraju - in - mbl- 2016.04.14.1

Nesta quinta-feira (14), haverá pressão nas redes sociais e manifestações nas ruas contra os deputados José Nunes (PSD), Antonio Brito (PSD), Sérgio Brito (PSD), Fernando Torres (PSD), Paulo Magalhães (PSD), Ronaldo Carletto (PP), Cacá Leão (PP), Mário Negromonte Jr. (PP) e Roberto Britto (PP). “Não deixaremos também de protestar contra Félix Mendonça Jr. (PDT), João Bacelar (PR), José Carlos Araújo (PR), José Rocha (PR) Bebeto (PSB) e João Carlos Bacelar (PTN), Também estamos preparando uma ação especial contra o leão de chácara do PSD, o senador Otto Alencar”, avisa Ricardo.

Os políticos indecisos também estão sendo estampados em outdoors, em avenidas de Salvador, Estrada do Coco e na BR-324. “Até o dia 17 de abril, quando será votado o impeachment da presidente Dilma Rousseff estaremos firmes na denúncia da omissão desses deputados neste momento histórico em que o povo brasileiro exige uma mudança no rumo do país”.

No próximo domingo (17), está confirmada, a partir das 14 horas, no Jardim de Alah, a manifestação de Salvador pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff. No local, haverá um telão para os baianos acompanharem a votação e flagrar os traidores do povo que derem o voto pela manutenção de uma presidente que empurrou o Brasil para o buraco, causando uma crise econômica sem precedentes com recessão profunda, desemprego e inflação.

Por | Ascom

Comentários no Facebook